Saúde

Ressonância: Novo exame pode prevenir 25% dos AVCs

A nova técnica permite aos médicos procurar a acumulação de placas de gordura dentro das artérias
Fonte: Noticias ao Minuto | Editor: Redação 25/08/2017 13:20
Ressonância RessonânciaFoto: Telemedicina Morsch

Todos os anos, cerca de 25 mil casos de AVC ocorrem quando as placas de gordura acumuladas nas artérias (cujo termo médico é arterosclerose) se rompem e bloqueiam as artérias. Uma revolucionária técnica de ressonância magnética desenvolvida por cientistas da Universidade de Oxford poderá ser usada no futuro para prevenir cerca de um em cada quatro casos de AVC, segundo o Daily Mail.

Isto porque esta técnica permite aos médicos verificar a acumulação de placas de gordura dentro das artérias. Quando alguém sofrer um mini-AVC poderá ser submetido a este exame indolor e, caso se verifique o acúmulo de placas de gordura, os especialistas podem decidir operar o paciente para remover estas placas, prevenindo assim um AVC mais grave e potencialmente fatal no futuro.

Até agora este exame só detetava acumulações mesmo muito grandes de gordura, mas esta nova técnica também permite detetar as placas de gordura mais pequenas – que, na verdade, podem ser mais perigosas porque são mais propensas a ruturas.

Comentários