Polícia

Primo de delegado é executado na porta de casa em Teresina

José Wilton Nogueira de Melo foi morto com sete tiros de pistola .40
Fonte: DHPP | Editor: Paulo Pincel 31/07/2018 17:14
José Wilton Nogueira de Melo, de 35 anos, morto a tiros José Wilton Nogueira de Melo, de 35 anos, morto a tirosFoto: Montagem

José Wilton Nogueira de Melo, de 35 anos, foi morto a tiros na porta de casa, na rua Pires Rebelo, bairro São Pedro, zona Sul de Teresina. Foram sete tiros de pistola .40, de uso restrito. O crime aconteceu por volta das 14h30 desta terça-feira (31). Wilton é primo do gerente de Policiamento Metropolitano da Capital, delegado Lucy Keyko, que esteve na cena do crime.

Usuário de drogas, José Wilton morava com a companheira, que tinha acabado de deixar no trabalho. Ele retornou para casa e se preparava para entrar quando foi chamado por dois homens que ocupavam um VW Gol, cinza [as placas não foram anotadas]. Foram pelo menos sete tiros. Wilton caiu na calçada.

A moto que Wilton pilotava ficou no local, o que reforça a tese de execução, já que nada foi levado da vítima. Próximo ao corpo, sete cápsulas de pistola calibre .40 foram recolhidas pelos peritos da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa [DHPP].

"Todas essas informações adicionais serão apuradas na investigação. Qualquer coisa que eu possa falar aqui é muito preliminar e pode atrapalhar as investigações", afirmou a delegada Luana Alves, que investiga a autoria da execução.

Comentários