Polícia

PM prende acusados da execução de ladrão em Fronteiras

Fonte: Da Redação 10/09/2017 10:10
Os acusados da execução de Joseli Joaquim da Silva Os acusados da execução de Joseli Joaquim da SilvaFoto: Divulgação/PM

Policiais militares da Força Tática de Fronteiras, a 405 Km de Teresina, prenderam Adão José Anderson de Sousa e Jucejanio Antônio Martins de Oliveira, residentes no município, após confessaram a morte de Joseli Joaquim da Silva, em um bar às margens da rodovia BR-316 em Alegrete do Piauí.

Adão Anderson afirmou nque Joseli Silva furtou 19 botijoes de gás de um dos seus depósitos em Fronteiras. Revoltado, contratou Jucejanio Oliveira para ajuda-lo a matar o ladrão.

O crime

Os dois suspeitos chegaram no bar em uma moto Honda Bros. Eles efetuaram vários disparos de arma de fogo contra Joseli Joaquim da Silva, que morreu no local. A dupla fugiu pela rodovia rumo a Francisco Macedo, na região de Marcolândia. Os dois acusados usavam capacetes e por isso não foram reconhecidos.

Policiais militares do Força Tatica de Fronteiras, Alegrete e Francisco Macedo realizaram diligências para prender os causados do homicídio. A dupla abandonou a moto e entrou na caatinga. Hoje, por volta as 05h30 a PM foi informada de que haviam dois homens suspeitos entre Alegrete e Fco Macedo.

A abordagem foi bem sucedida. Ainda com os capacetes nas mãos, Adão e Jucejanio estavam com armas usadas na execução de Joseli: um revólver Taurus calibre 38, com 4 cápsulas deflagradas e 8 munições intactas, e uma pistola calibre 380 Taurus com 16 estojos intactos.

Os criminosos foram autuados em flagrante por homicídio triplamente qualificado na delegacia de Fronteiras.

Comentários