Política

Petistas vão reagir a ataque de extremistas contra Lula

Fonte: PT 25/08/2017 18:59
Presidente do PT no Piauí, deputado federal Assis Carvalho Presidente do PT no Piauí, deputado federal Assis CarvalhoFoto: Luiz Brandão

O PT - militantes, filiados, simpatizantes e demais entidades que estão organizando a passagem da "Caravana Lula Pelo Brasil" pelo Piauí - estão tomando todas as providências para evitar qualquer ataque ou ofensa ao ex-presidente Lula em solo piauiense.

Os petistas dizem que a livre manifestação é um direito, mas não vai aceitar passivamente qualquer agressão, ataque ou desrespeito ao ex-presidente Lula, que estará em terras piauienses entre os 1 e 4 setembro.

Lula entrará com total segurança no Piauí. Ele começa sua visita ao estado pela cidade de Marcolândia. De segue pra Picos. Depois vem para Teresina e Altos. Em seguida, segue para o Maranhão, onde vai encerrar essa primeira etapa da caravana.

ATAQUES TERÃO RESPOSTA - "Ninguém do PT vai pra recepção do Bolsonaro. Que chamem quem eles quiserem. Mas se mexer com o Lula não vai sair barato. Se eles não têm líder popular problema deles. Nós temos um líder e vamos defender ele de qualquer ataque", disse, em tom de alerta, o presidente do PT no Piauí, deputado federal Assis Carvalho.

Ele lembrou que o ex-presidente Lula já veio muitas vezes ao Piaui e nunca sofreu qualquar tipo de violência. "Lula está vindo novamente e virá quantas vezes quiser ao Piauí e será sempre muito bem recebido por nós. Lula foi o presidente da República que mais visitou o Piauí e o que mais ajudou o Estado. Não vamos aceitar nenhuma ofensa ele", garantiu o deputado Assis Carvalho.

Assis Carvalho e Lula
Assis Carvalho com Lula

Comentários