Cultura

Grande público prestigia primeira noite do X Festival de Rabecas de Bom Jesus

O evento acontece até sábado (14)
Fonte: Ascom Secult | Editor: Redação 13/10/2017 14:02
Primeira noite do X Festival de Rabecas de Bom Jesus Primeira noite do X Festival de Rabecas de Bom JesusFoto: Reprodução

A Avenida Josué Parente ficou lotada na primeira noite do Festival de Rabecas de Bom Jesus. O evento acontece até sábado (14) e conta com dois palcos: Palco do Queijinho “Mestre Valdeci Araújo”, onde acontecem apresentações de oficinas e o palco dos shows “Mestre Joaquim Carlota”.

A tradicional apresentação dos mestres rabequeiros com grandes clássicos da música nordestina atraiu a atenção do público durante a abertura do evento. Wânia da Rabeca, mestre Valdeci, mestre Erondino e mestre Joaquim Carlota foram os artistas que mostraram ao público todo seu talento com a rabeca.

A professora Wânia Sales, conhecida como Wânia da Rabeca, que já se apresentou em várias edições do Festival, disse que é um grande prazer participar da décima edição da festa em Bom Jesus. “Me sinto da casa, fui batizada pelo Festival de Rabecas e tenho muito orgulho de me apresentar há anos neste lugar, tive a honra de ver rabequeiros se formando e aprendendo a construir rabeca aqui e agora vejo tudo isso de multiplicar”, conta a artista.

O cantor Benício Bem foi a segunda atração da noite animando o público com o show “Carimbó e a Rabeca”. Depois, a cantora Roberta Miranda atraiu uma multidão com os clássicos do sertanejo, vestiu a camisa do festival e apoiou a causa nobre da venda. “Não sou de vestir nenhuma camisa e nem fazer propagandas, mas um festival desses que apoia uma causa nobre como a reforma de escolas públicas me sensibiliza a comprar e vestir a camisa”, afirmou a cantora.

O secretário estadual de Cultura Fábio Novo também subiu ao palco para falar do orgulho que sente ao ver o Festival chegando a sua décima edição.

“Chegamos a décima edição do Festival de Rabecas, um evento consolidado que tem uma marca que não é só de Bom Jesus, que já está no calendário cultural do Piauí e do Brasil. Por esse palco já passaram grandes nomes nacionais e internacionais, além do grande orgulho de termos em Bom Jesus a única Orquestra de Rabecas do Brasil”, ressaltou o secretário de Cultura, Fábio Novo.

A primeira noite também contou ainda com o artista piauiense Chambinho do Acordedon, que cantou os clássicos de Luiz Gonzaga e a banda Forró com 2.

Ainda na noite dessa quinta, o outro palco, do Queijinho, na praça Marcos Aurélio, recebeu durante a manhã a Rabeca das Crianças. Música, distribuição de brinquedos, parque de diversão, oficinas e trenzinho da alegria foram alguns dos atrativos para o público infantil. Durante a noite, o palco atraiu o público com apresentações de oficinas de rabeca, música, dança e teatro.

Na noite desta sexta-feira (13) o X Festival de Rabecas de Bom Jesus continua, recebendo grandes atrações como, a Orquestra de Violões de Corrente, a rabequeira Renata Rosa, a cantora de forró Solange Almeida, Oz Bambaz e a banda R 10.

O 10º Festival de Rabecas é uma realização da Associação de Filhos e Amigos de Bom Jesus com o apoio do Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Cultura e patrocínio da Caixa Econômica e do Governo Federal.

Comentários