Polícia

Corpo achado na BR-316 é de assaltante de banco

Identificação do cadáver sai em até dez dias após a necropapiloscopia
Fonte: Delegacia de Homicídios | Editor: Alinny Maria 21/02/2018 11:45
O homem foi identificado pela família O homem foi identificado pela famíliaFoto: Policia Civil

Atualizada em 21/02/18 / às 11h

O exame necropapiloscópico confirmou que o corpo encontrado às margens da BR-316, na semana passada, era de José de Zeino, assaltante de banco e sequestrador. José Zeino responde a processos judiciais no Piauí e Maranhão.

A Delegacia de Homicídios aguarda agora o laudo cadavérico para identificar as causas da morte e há quanto tempo o assassinato ocorreu.

Matéria original

Na semana passada, populares encontraram um corpo em estado avançado de decomposição nas proximidades da BR-316, em Teresina. Com a vítima a polícia encontrou documentos em nome de José Zeino Coelho da Silva, 57 anos, condenado pela Justiça do Piauí e Maranhão. A polícia suspeita que o corpo seja de um integrante de uma quadrilha interestadual que atuava em sequestro e assaltos a bancos.

Corpo encontrado às margens da BR-316

A identificação exata do cadáver deve sair em até 10 dias após o resultado do exame necropapiloscopia, que identifica o ser humano através das digitais. Os peritos do Instituto de Criminalística constataram que o corpo apresentava uma perfuração na barriga, possivelmente provocada por disparo de arma de fogo.

O delegado Francisco Costa, o Barêtta, titular da Delegacia de Homicídios disse que apesar de ter sido encontrado documentos pessoais com a vítima, é necessário constatar se o corpo realmente seja de José Zeino.

Comentários