Polícia

Corregedoria da PM investiga denúncia de execução

Isaías Rodrigues da Silva foi encontrado morto depois de ser preso pela PM
Fonte: PM-PI | Editor: Paulo Pincel 14/11/2017 16:22
O corpo foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros O corpo foi resgatado pelo Corpo de BombeirosFoto: Reprodução/Efrém Ribeiro

A Corregedoria da Polícia Militar do Piauí vai investigar os policiais que estavam na viatura da Força Tática do 6º Batalhão [Dirceu Arcoverde], que efetuaram a prisão de Isaías Rodrigues da Silva, 18 anos, na noite do domingo passado, na Vila Parque Rodoviário, na zona Sul de Teresina. O corpo de Isaías foi encontrado boiando nas águas do rio Potina manhã desta terça-feira (14).

O Comando geral da PM e a Corregedoria já tem os nomes dos militares que atenderam à ocorrência e vai investigar a denúncia de homicídio supostamente praticado pelos PMs.O tenente-coronel John Feitosa, do setor de Comunicação da PM, adiantou que tão logo haja qualquer informação sobre os resultados das investigações, a sociedade piauiense será informada.

“A Polícia Militar diante do que foi posto na mídia, por declarações de famílias, já está adotando providências no sentido de localizar os familiares para serem ouvidos na Corregedoria e está adotando providências para verificar se efetivamente esteve uma viatura da PM no local atendendo a ocorrência. Essa apuração já está sendo feita, a fim de dirimir qualquer dúvida que possa surgir em relação a afirmação que partiu de familiares. Tão logo, a apuração seja concluída e a Polícia Militar possa chegar a um posicionamento, se efetivamente pode haver ou não as participações de policiais militares nesse episódio, a corporação vai se manifestar sobre o caso”, garantiu o oficial.

Comentários