Mundo

Chefe do Pentágono: atitude de Trump perante OTAN é a de sempre

"Posso dizer que o sinal que ele emite está em sintonia com as reclamações das administrações anteriores", afirmou James Mattis
Fonte: Sputnik Brasil | Editor: Redação 28/05/2017 09:11
Donald Trump Donald TrumpFoto: Reprodução

As exigências do presidente americano, Donald Trump, para com os aliados da OTAN são similares com as que apresentavam as administrações anteriores dos EUA, afirmou o secretário da Defesa, James Mattis, a um canal de TV americano.

"Eu trabalhei nas estruturas da OTAN sob administração de George W. Bush e Barack Obama, e agora estou de volta a Bruxelas representando o Departamento da Defesa dos EUA sob a presidência de Trump. Posso dizer que o sinal que ele emite está em sintonia com as reclamações das administrações anteriores", afirmou Mattis em uma entrevista ao CBS, cujos fragmentos foram publicados neste sábado (27), sendo que a versão completa aparecerá no site hoje.

De acordo com o chefe do Pentágono, "os países da OTAN ganham a melhor defesa no mundo, e todos nós devemos estar prontos para ser uma espécie de banco para estes fins, já que, se você quer receber alguma coisa, você deve dar sua contribuição".

Mais cedo neste sábado, ao discursar perante os militares americanos na base aérea de Sigonella, na Sicília, Trump qualificou como injusto o fato dos americanos fazerem uma contribuição muito mais séria nas estruturas da OTAN do que qualquer outro país. Ao mesmo tempo, ele reconheceu que ultimamente os países-membros da Aliança conseguiram certos avanços em tentarem aumentar seus orçamentos militares até à meta de 2% do PIB.

Comentários