Política

Audiência pública discutirá os impactos da ameaça de privatização do setor elétrico

O presidente do Sindicato, Paulo Sampaio alerta para os riscos desta privatização
Fonte: SINTEPI | Editor: Da Redação 27/09/2017 18:15
Audiência Pública Audiência PúblicaFoto: Sintepi

Através de articulação realizada pelo Sindicato dos Urbanitários, a deputada estadual Floral Isabel requereu Audiência Pública, que será realizada nesta quinta-feira (28), no Plenarinho da Assembleia Legislativa, para discutir os Impactos da Privatização da Chesf e Cepisa no Piauí. O Sindicato destaca que será um evento de extrema importância, pois será a oportunidade para discutir com a sociedade, parlamentares e trabalhadores de outras categorias os efeitos nocivos deste projeto do Governo Federal de entregar para o capital privado o maior sistema energético do país, a Eletrobras, no Piauí representado pela Chesf e Cepisa.

O presidente do Sindicato, Paulo Sampaio alerta para os riscos desta privatização, pois se tratam de empresas de vital importância para o desenvolvimento do Estado, e sua privatização é sinônimo de empobrecimento em todos os sentidos. “Esta entrega do patrimônio público significará uma perda sem precedentes para todos os piauienses, que sofrerão com aumentos na conta de energia, fim da tarifa social, serviços de péssima qualidade, demissão em massa para os trabalhadores”, afirma Sampaio, que ressalta ainda as consequências desastrosas para meio ambiente, com a privatização da gestão das águas do Rio Parnaíba, que é fonte primordial para o abastecimento humano e da agricultura.

“Por tudo isso, conclamamos todos para participarem desta Audiência Pública contra a privatização do setor elétrico. Precisamos nos munir de informações e participar ativamente de decisões tão importantes para o futuro de nosso país”, afirmou Sampaio.

Comentários