Wellington Dias participa da posse do presidente do TCE-PI

O conselheiro Abelardo Pio Vilanova foi empossado nessa quarta-feira


Governador do Piauí, Wellington Dias, no TCE-PI

Governador do Piauí, Wellington Dias, no TCE-PI Foto: CCom

O governador Wellington Dias participou, ontem (19),  da posse da nova diretoria do Tribunal de Contas do Estado, em solenidade realizada no plenário do TCE-PI. O conselheiro Abelardo Pio Vilanova foi empossado para o cargo de presidente do TCE para o biênio 2019/2020.

Ele substituirá o conselheiro Olavo Rebelo. Vilanova se comprometeu a aumentar o grau de fiscalização com os gastos públicos. “Vamos continuar interiorizando nossas ações e ampliar cada vez mais as fiscalizações. Fortalecendo ainda a eficiência dos gastos públicos”, disse o novo presidente.
 
Para o governador, o TCE teve uma gestão importante e independente, além de uma boa relação com todos os municípios. “Temos muitos desafios para enfrentar e essa nova diretoria certamente vai saber conduzir os trabalhos com competência e transparência”, afirmou Wellington. 

Segundo o conselheiro Olavo Rebelo, “foi um período difícil de administrar, mas no nosso mandato conseguimos cumprir rigorosamente a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Estamos fechando o balanço com tudo de acordo como manda a lei”. 

Também foram empossados os conselheiros Lilian Martins, como vice-presidente do TCE; Kléber Eulálio, na Corregedoria-Geral; Waltânia Alvarenga, na Controladoria; e Olavo Rebelo, na Ouvidoria; e os conselheiros Luciano Nunes e Kennedy Barros na presidência da 1ª e da 2ª Câmara, respectivamente.

Novo presidente

Natural de Regeneração (PI), Abelardo Pio Vilanova e Silva é bacharel em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Piauí (UFPI) e especialista em Controle Externo da Administração Pública. É servidor de carreira do TCE-PI, onde ingressou por meio de concurso público para o cargo de auditor, em 1995. Em 2002, foi nomeado conselheiro.

Foi presidente do TCE-PI no biênio 2009/2010 e vice-presidente nas gestões 2002/2003, 2007/2008 e 2017/2018, que está se encerrando agora.

Fonte: CCom

Próxima notícia

Dê sua opinião: