Teresa Britto critica nomeação de 300 comissionados para a Secretaria de Governo

A deputada frisou, também, que o Estado necessita de ações urgentes em áreas como Saúde e Educação


Tereza Brito

Tereza Brito Foto: Ascom

A deputada estadual Teresa Britto (PV) fez uso da tribuna da Assembleia Legislativa do Piauí, nesta terça-feira (21), para criticar a nomeação de 300 comissionados para a Secretaria de Governo.

A parlamentar repercutiu, na Casa Legislativa, a recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), solicitando ao Governo que não nomeie novos comissionados enquanto o Estado estiver no limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal.

"O governador Wellington Dias nomeia 300 pessoas para uma Secretaria onde não cabem 20. Isso nos indigna bastante. Por isso, manifestamos nosso total repúdio a essa medida, principalmente por sabermos que se trata apenas de cabide de emprego para aliados políticos", diz Teresa Britto.

A deputada frisou, também, que o Estado necessita de ações urgentes em áreas como Saúde e Educação. "Há categorias que aguardam convocação de aprovados em concurso público; outras esperam há anos por reajuste salarial e o plano da cargos, carreiras e salários. Áreas como a Saúde e a Educação clamando por mais investimentos e, infelizmente, a prioridade do Governo é acomodar aliados. Isso é realmente lamentável ", conclui.

Fonte: Ascom

Próxima notícia

Dê sua opinião: