PODEROSO

Mão Santa considera Wellington Dias o governador mais forte da história do Piauí

"Cadê a oposição de Robert Rios, o Luciano era o único", citou o prefeito de Parnaíba


Mão Santa e Marden Menezes em Piripiri

Mão Santa e Marden Menezes em Piripiri Foto: Reprodução/PMP

Afastado do centro dos debates, que é Teresina, desde que se elegeu prefeito de Parnaíba, o ex-governador Francisco de Assis de Moraes Souza, o “Mão Santa”, retornou à cena política neste começo de semana, mas para criticar a oposição, da qual faz parte.  Mão Santa foi o convidado ilustre do prefeito de Piripiri, Luiz Menezes,  e do deputado estadual Marden Menezes, durante a inauguração do centro administrativo do município, realizada na noite de quinta-feira (18).

O ex-governador considera Wellington Dias um governador poderoso porque não há oposição contra ele, na Assembleia Legislativa, na mídia “Wellington Dias é o dono de tudo. Eu não vou agredir os fatos. Estou na minha, eu respeito ele e ele me respeita".

Mão Santa questionou onde foram parar os adversários de Wellington Dias, lembrando os embates com os deputados estaduais Robert Rios, Luciano Nunes e Gustavo Neiva. "Cadê a oposição de Robert Rios, o Luciano era o único, o filho do Avelino [Gustavo Neiva] é vulnerável. Marden  enfrenta confusão administrativa em Piripiri. Por isso, eu digo, não existe nenhuma oposição", reclamou Mão Santa. "Vossa excelência Wellington Dias é o mais forte da história do Piauí", avaliou o prefeito.

Mão Santa lembrou que Wellington Dias tem algumas promessas não cumpridas em Parnaíba. "Eu disse: quero que o governador asfalte a estrada da Pedra do Sal e espero que cumpra”, citou.

Fonte: Assessoria parlamentar

Próxima notícia

Dê sua opinião: