PROJETO LEI

“Prefeito Firmino Filho veta lei de nossa autoria por perseguição política”, afirma Dudu

Dudu afirma que a lei seria de grande importância para promover a inclusão social


Vereador Dudu

Vereador Dudu Foto: Divulgação

O vereador Dudu (PT) fez críticas ao prefeito Firmino Filho (PSDB) por vetar uma lei de autoria do parlamentar, que instituía a Política Municipal para Educação Especial e Inclusiva para atendimento às pessoas com Transtorno Mental, Transtorno do Espectro Autista (TEA), deficiência intelectual e Deficiências Múltiplas no município de Teresina. A lei já havia sido aprovada em duas votações, mas foi vetada pelo prefeito Firmino Filho.  

Dudu afirma que a lei seria de grande importância para promover a inclusão social de todos por meio de uma educação especial. “A Lei foi vetada pelo prefeito Firmino alegando vício de iniciativa. Uma das lutas das associações que trabalham com o transtorno de espectro autista é exatamente divulgar e ter políticas públicas com o objetivo de disseminar informações e assim combater o preconceito das pessoas. Quando o nosso mando propôs a lei era exatamente para que as pessoas com transtorno do espectro autista tenham um acompanhamento especial e inclusivo em nossa cidade”, disse Dudu.

“A Deputada Federal Rejane Dias recentemente aprovou uma importante lei para criação da Carteira Nacional do Autista e aqui na Câmara temos uma lei do nosso mandato que institui que os estabelecimentos do município são obrigados a colocar nas placas de atendimentos prioritários o símbolo do espectro autista. São ações como essas que possibilitam a inclusão social. Diante disso, só temos a lamentar e repudiar a atitude do prefeito Firmino em vetar a Política Municipal para Educação Especial e Inclusiva em Teresina. Vamos continuar trabalhando para termos na nossa cidade cidadania e inclusão social”, destacou o vereador. 

Fonte: Douglas Bastos

Próxima notícia

Dê sua opinião: