Carnavalesco Milton Cunha ganha cidadania piauiense

A proposição da homenagem foi da deputada Flora Izabel (PT)


Carnavalesco Milton Cunha com Safira Bengell

Carnavalesco Milton Cunha com Safira Bengell Foto: Caio Bruno/Alepi

A sessão solene para entrega, ao carnavalesco Milton Cunha, do título de cidadão piauiense, por proposição da deputada Flora Izabel (PT),  autora do projeto de Decreto Legislativo 05/2018. A solenidade contou com a presença de deputados, da coordenadora do Grupo Anjos, Safira Bengell, e do presidente da Associação Piauiense de Combate a LGBTfobia, André Santos.


Em sua fala, a deputado Flora Izabel disse que a solenidade é uma forma de gratidão e reconhecimento pelo que o carnavalesco fez pelo Piauí ao colocar a Serra da Capivara, berço do homem americano, em evidência no carnaval do Rio de Janeiro no ano de 1996, na escola Beija Flor de Nilópolis.

“Hoje o Piauí, por meio do Poder Legislativo, tem a honra de homenagear o carnavalesco, comentarista, cenógrafo e doutor Milton Cunha, que é natural do Pará. Aqui nós temos a oportunidade de agradecer ao que ele fez pelo Piauí e pela história do nosso Estado ao divulgar a pre história piauiense em nível nacional no carnaval do Rio de Janeiro”, disse a deputada Flora Izabel.

Em 1996, com seu enredo "Aurora do povo Brasileiro" a Beija-Flor de Nilópolis ficou em 3º lugar no desfile do Grupo Especial.“Hoje é que vim homenagear o Piauí, esse importante Estado do Brasil que merece todo o nosso respeito. A minha história é a história de todos nós nortistas e nordestinos que saímos de nossa região para ir buscar o nosso futuro no sul. E o Piauí está no meu coração desde a escola primária, quando nós estudamos todo o homem pré histórico que deixou aqui documentos importantíssimos”, disse o homenageado.

“Eu sou basicamente da cultura, então quando vocês me entregam o título de cidadão, vocês estão homenageando a cultura do Brasil e todos nós que trabalhamos pela cultura”, completou Milton Cunha.“É uma honra para nós estamos aqui nessa homenagem. Nós temos unir o Brasil e sua cultura, reconhecendo os valores de todas as regiões para cada vez mais fortalecer o carnaval que é do Brasil”, disse Safira Bengell.

Perfil

Milton Reis da Cunha Júnior nasceu em Belém em 19 de Março de 1962, é carnavalesco, cenógrafo e comentarista de Carnaval brasileiro, tendo comentado em diversos canais de TV Globo, TVE e Band, os desfiles das escolas de samba e trabalhado na cenografia, para cantores conhecidos em diversos shows mundo afora. É Pós-Doutor pela Escola de Belas Artes da UFRJ, em Narrativas de Carnaval.

Fonte: Alepi

Próxima notícia

Dê sua opinião: