Em vídeo, Bolsonaro fala sobre facada: dor insuportável

"Parecia uma pancada na boca do estômago, uma bolada no futebol"


Bolsonaro na cama da Santa Casa de MIsericórdia em Juiz de Fora (MG)

Bolsonaro na cama da Santa Casa de MIsericórdia em Juiz de Fora (MG) Foto: Reprodução

Em vídeo gravado por correligionários e aliados, na cama do hospital em que se encontra em Juiz de Fora (MG), o deputado e candidato a Presidente da República Jair Bolsonaro (PSL-RJ) agradece o apoio recebido e fala publicamente pela primeira vez sobre o atentado que sofreu ontem (6).

O deputado afirmou que "nunca fez mal a ninguém" e lamentou não poder acompanhar o desfile de 7 de Setembro.

Bolsonaro aparece no vídeo lúcido, mas falando com dificuldade. Antes de começar a falar, ele participa - junto com os filhos - de uma oração conduzida pelo senador Magno Malta (PR-ES).

“Eu quero agradecer a Deus neste momento. Quero agradecer também a médicos e enfermeiros que me viram desde o começo. Eu estava muito preocupado porque parecia uma pancada na boca do estômago, como se fosse uma bolada no futebol. A dor é insuportável. Mas nada de mais grave aconteceu”, afirma o candidato.

"Até o momento, Deus quis assim. Eu me preparava para um momento como esse porque você corre riscos. Mas, de vez em quando, a gente duvida, né! Será que o ser humano é tão mau assim? Nunca fiz mal a ninguém", lamentou.

Fonte: Congresso em foco

Próxima notícia

Dê sua opinião: