Prefeitos e empresários são alvos da Operação Águas de Março

Gaeco está em Floriano, Manoel Emídio, Monsenhor Gil, Monsenhor Hipólito, São Miguel da Baixa Grande e Teresina


Gaeco faz a Operação Águas de Março em seis cidades do Piauí

Gaeco faz a Operação Águas de Março em seis cidades do Piauí Foto: Gaeco

Equipes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), com apoio das polícias Civil e Militar e de técnicos do Tribunal de Contas do Estado do Piauí, estão em campo desde a madrugada desta quinta-feira (21), cumprindo 13 mandados de busca e apreensão como parte da Operação “Águas de Março”. As diligências acontecem simultaneamente Floriano, Manoel Emídio, Monsenhor Gil, Monsenhor Hipólito, São Miguel da Baixa Grande e Teresina.

A operação investiga empresas e profissionais que atuam na construção civil, a partir da determinação do procurador-geral de Justiça do Estado, Cleandro Moura, para a abertura do procedimento de investigação para apurar a existência de organização criminosa responsável por fraude em licitações e outros crimes contra a administração pública.

Os prefeito de Manoel Emídio, José Medeiros da Silva, e de São Miguel da Baixa Grande, Josemar Teixeira estão entre os investigados por fraude em licitação de obras.

O coordenador do GAECO, promotor de Justiça Rômulo Cordão, adiantou que houve superfaturamento dos valores dos contratos e outras irregularidades.

Fonte: Gaeco

Próxima notícia

Dê sua opinião: