INQUÉRITO CONCLUÍDO

Laudos periciais revelam que Ítalo Rodrigo foi executado com cinco facadas

Delegado Danúbio Dias vai encaminhar inquérito à juiza Elfrida Costa nesta sexta-feira (19)


O assassino frio e a vítima indefesa de um crime bárbaro

O assassino frio e a vítima indefesa de um crime bárbaro Foto: Montagem/DHPP/Arquivo pessoal

O delegado Danúbio Dias, titular da Delegacia de Homicídios/Sul, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa – DHPP, já recebeu os laudos  – o exame cadavérico do IML e o exame pericial em local de crime, este último realizado por Perito Criminal do Instituto de Criminalistica -, mostrando toda dinâmica da morte de Ítalo Rodrigo,16 anos, morto na terça-feira, em Teresina.


Os laudos estão sendo juntados aos autos do inquérito policial, que será concluído nesta sexta-feira (19) e encaminhado à juíza da 2ª Vara da Infância e Juventude, à juíza Elfrida Costa, para a  adoção dos procedimentos legais.

O laudo cadavérico revelou que vítima sofreu cinco golpes de arma branca (faca), sendo dois no pescoço e três nas costas. “O autor do homicídio foi autuado em flagrante delito por ato infracional análogo ao crime de homicídio doloso. O inquérito vai passar agora para  a fase de instrução e julgamento. Em seguida, o juiz responsável pelo processo aplica uma medida sócio educativa”, explica o coordenador do DHPP< delegado Francisco Costa, o Baretta.

"Também será juntada aos autos a recognição visuográfica de local de crime feita por policiais do DHPP do plantão de atendimento em local de crime, peça que norteia todo o lastro probatório da investigação criminal de homicídios.

A técnica

Recognição visuográfica de local de crime é uma técnica de investigação criminal, desenvolvida desde 1994, em São Paulo, pelo delegado Marco Antonio Desgualdo, que permite a reconstrução da cena do crime por meio da reconstituição de seus fragmentos e vestígios, levando o pesquisador criminal experiente (delegado de polícia) a coletar elementos que possam construir um perfil criminológico do autor de um delito. A técnica analisa o local objeto da recognição, croqui, fotografação, arma utilizada, cadáver, testemunhas e projeção futura.

Perversidade

Ítalo Rodrigo do Nascimento, de 16 anos, foi morto a facadas por R. B. F. C, também de 16 anos, na casa dos pais, no Parque Sul, na zona Sul de Teresina,  depois de ser amarrado e ter os olhos vendados.

Mensagens no celular de Ítalo revelaram que os dois tinham uma relação íntima, inclusive com insinuações e pedidos de envio de nudes pela vítima. As mensagens foram divulgadas ontem (17).

Leia mais sobre o crime que chocou Teresina:

https://www.piauihoje.com/noticias/policia/mensagens-revelam-que-vitima-e-assassino-mantinham-um-relacionamento-intimo-333822.html

https://www.piauihoje.com/noticias/policia/escriva-passa-mal-com-a-frieza-do-assassino-de-adolescente-durante-depoimento-333819.html

https://www.piauihoje.com/noticias/policia/suspeito-de-amordacar-e-matar-estudante-e-preso-e-confessa-quot-sentiu-vontade-de-matar-quot-333784.html

https://www.piauihoje.com/noticias/policia/adolescente-e-encontrado-morto-e-amordacado-na-zona-sul-de-teresina-333769.html







   

Fonte: DHPP

Próxima notícia

Dê sua opinião: