SEM CONTROLE

Sugerida interdição de Jair Bolsonaro por ele demonstrar insanidade

Para o jornalista, Bolsonaro já cometeu crimes de responsabilidade, mas o impeachment não resolve o problema


Joaquim de Carvalho, editor do Diário do Centro do Mundo

Joaquim de Carvalho, editor do Diário do Centro do Mundo Foto: Arquivo no Facebook

O jornalista Joaquim de Carvalho, editor do site independência Diário do Centro do Mundo, defendeu neste sábado (20) a interdição do presidente Jair Bolsonaro, do PSL.

Joaquim postou em sua conta no Facebook que o presidente já cometeu crime de responsabilidade, mas avalia que não "seja o caso de impeachment".

Para ele, a interdição de Bolsonaro seria um processo mais rápido. "O Brasil não merece tanto desatino", disse o experiente jornalista.

Questionado por um internauta como seria interdição de Bolsonaro, Joaquim foi curto e simples: "O Legislativo pede a interdição, e a Justiça concede, depois dele ser analisado por peritos da área psiquiátrica".

A sugestão de jornalista obteve ampla repercursão e muitos comentários apoiando a ideia na conta de Joaquim de Carvalho no Facebook.

Postagem de Joaquim de Carvalho no Facebook

Próxima notícia

Dê sua opinião: