SERVIÇOS

União é uma das cidades com maior cobertura de esgoto do país

Atualmente, a empresa está investindo cerca de R$ 1,5 milhão nos sistemas de esgotamento sanitário e abastecimento de água de União


ETA compacta

ETA compacta Foto: Divulgação

Com mais de 90% de cobertura de esgotamento sanitário, a cidade de União, localizada a 64 quilômetros de Teresina, é uma das mais saneadas do país. A informação é do diretor de Engenharia da Agespisa, Carlos Augusto Oliveira.

"Ao longo dos anos, os investimentos do Governo do Estado, da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba) e da própria Agespisa levaram a cidade a esse patamar de atendimento. Continuamos investindo para garantir mais qualidade de vida aos unionenses e no momento estamos realizando novos serviços para o funcionamento adequado do sistema, que foi realizado por uma empresa particular e apresentou alguns problemas", ressalta o diretor.

Ele se refere aos trabalhos de reparos pontuais na rede de esgoto da cidade, iniciados na semana passada. Devido a falhas de execução da construtora responsável pelas obras, a rede apresentou extravasamentos em ruas de três bairros: São Pedro, São Sebastião e São Francisco. Após os serviços de correção, o fluxo de esgoto nas tubulações será totalmente normalizado.

Atualmente, a empresa está investindo cerca de R$ 1,5 milhão nos sistemas de esgotamento sanitário e abastecimento de água de União, com recursos do Governo do Estado e da própria Agespisa.

A empresa já executou 70% da obra de construção de uma nova Estação de Tratamento de Água, com capacidade para tratar 80 litros por segundo. Compacta, a ETA tem tecnologia desenvolvida pela própria Agespisa, já implantada com sucesso em outras cidades. Os serviços estão em ritmo acelerado e a previsão é de que a obra seja concluída em agosto deste ano. Após colocar a nova ETA em operação, a Agespisa vai reformar a estação já existente, que hoje atende a população.

Outra ação que está sendo executada pela Agespisa em União é a troca das bombas do sistema de captação de água por equipamentos mais modernos. Uma das bombas foi trocada no início deste mês e outro equipamento, utilizado em casos de emergência, também será substituído. Os flutuantes, onde é feita a captação da água, estão passando por melhorias para garantir maior eficiência do serviço.

Fonte: Ascom Agespisa

Próxima notícia

Dê sua opinião: