POLÍTICAS PÚBLICAS

Perfil da Mulher Piauiense será traçado por Coordenadoria Estadual

As oficinas estão sendo ministradas por uma equipe do consórcio e serão setoriais participativas


Reunião

Reunião Foto: Reprodução

O consórcio CON&SEA/CEALMA/IDESA, junto com a Coordenadoria  Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres inicia, nesta sexta-feira (13), com o território ENTRE RIOS, a oficina para a elaboração do Plano Estadual de Políticas para as Mulheres do Piauí que  servirá de base para a elaboração do Diagnóstico sobre o Perfil da Mulher Piauiense no contexto atual.

As oficinas estão sendo ministradas por uma equipe do consórcio e serão setoriais participativas. O objetivo é fortalecer a participação social por meio de diálogos, coletar dados que possam proporcionar uma base para o sistema de avaliação da realidade, expressar novas formas de conhecimento produzindo uma visão da realidade da mulher- problemas, oportunidades, riscos e causas.

Os municípios como José de Freitas, União, Amarante, Água Branca, São Pedro do Piauí, Regeneração, Miguel Alves e Monsenhor Gil receberam oficinas e aplicação dos questionários. As vagas para participação das oficinas são limitadas em 20 participantes e serão específico para as mulheres, mas durante a oficina qualquer mulher da sociedade civil pode fazer sua colaboração .

“ Estamos iniciando o diagnóstico da mulher piauiense de forma participativa, dialogando com poder público local e sociedade civil.  O diagnóstico vai permite a implementação de políticas públicas na educação, saúde, no trabalho e irá aumenta economia das mulheres de forma mais efetiva. É com o diagnóstico que vamos conseguir identificar as principais demandas das mulheres para melhorar as políticas públicas. ”, afirma Zenaide Lustosa, Coordenadora Geral da Coordenadoria Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres.

As etapas do diagnóstico compreenderam:  técnicas quanti-qualitativas; oficinas; entrevistas semiestruturadas; questionários; entre outras metodologias.

Calendário das atividades do Consórcio CON&SEA/CEALMA/IDESA

Próxima notícia

Dê sua opinião: