;

Seplan anuncia concurso e lança Carta Cepro nesta 6ª feira

Na solenidade, será anunciada a abertura de vagas para analista


Secretário de Estado do Planejamento, Antonio Neto

Secretário de Estado do Planejamento, Antonio Neto Foto: Paulo Pincel

A Secretaria do Estado do Planejamento lança, nesta sexta-feira (24), mais uma edição da revista Carta Cepro. A iniciativa dá continuidade à publicação dos estudos e pesquisas da Fundação Cepro, que agora é a superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Seplan.

Durante o lançamento, também serão anunciadas vagas para analista no próximo concurso a ser realizado para a Seplan, além do plano de ações da nova superintendência Cepro e o projeto de digitalização da Biblioteca Pádua Ramos. “Acredito que o ressurgimento das ações da Fundação Cepro serão agora retomadas com muito mais ênfase, com a criação da superintendência, pelo fato da Seplan ter uma estrutura um pouco melhor e ter capacidade de alocação de recursos. Isso vai garantir o melhor funcionamento dos trabalhos de pesquisa e dos estudos econômicos e sociais do Piauí”, revelou o secretário do Planejamento, Antonio Neto.    

Já foi autorizada a realização de concurso público com vagas para analista. “Vamos fazer um concurso público, que já foi autorizado com 10 vagas, mas nós queremos aumentar para 20. Vamos criar um novo corpo funcional, uma vez que o corpo atual da Fundação Cepro é de pessoas que já deram a sua contribuição muito importante para o trabalho da pesquisa, mas que já estão próximos das suas aposentadorias, ou já aposentados. Por isso, agora é preciso que haja uma renovação no quadro de pesquisadores”, explicou o secretário.


A reestruturação da superintendência da Cepro objetiva impulsionar as publicações e a divulgação dos trabalhos. Um novo edital para bolsistas será lançado, além da Chamada Pública para a 31ª edição da Carta Cepro. “Nós vamos aproveitar a oportunidade para lançar mais um edital com vagas para pesquisadores, com a nossa parceira Fapepi (Fundação de Amparo à Pesquisa do Piauí) e lançar a Chamada Pública para a próxima revista Carta Cepro”, revelou o secretário.

A Revista Carta Cepro apresenta artigos técnico-científicos produzidos por estudiosos, especialistas e pesquisadores das diferentes áreas de conhecimento das instituições de pesquisa e academias. Os artigos publicados são avaliados e selecionados por um Conselho Editorial e um Conselho Científico, de acordo com a relevância do tema para o Estado, sua validade social, a originalidade do tema e a contribuição para a área temática.

“Vamos também manter os editais com a nossa parceira Fapepi, com isso estamos trazendo novos pesquisadores bolsistas, trazendo inteligência, pessoas que estão trabalhando e pesquisando e queremos então, de forma bem objetiva, dar a sociedade piauiense uma resposta, porque os órgãos setoriais têm muita dificuldade de realizarem seus trabalhos se não tiverem pesquisas e estudos econômicos e sociais servindo de base para orientar a realização das ações estratégicas”, concluiu.

Publicações e digitalização do acervo
Até o final do ano, serão lançadas mais dez publicações, a Carta Cepro voltará a sua periodicidade semestral, com edições especiais e toda a biblioteca Pádua Ramos será digitalizada. “A biblioteca da Cepro tem um acervo muito importante. Tem todos os planos de governo, desde a década de 60, do início do planejamento do Estado. Muitas pesquisas importantes que precisam ser disponibilizadas on line. Para isso, faremos a digitalização desse acervo que será colocado a disposição da população na internet”, finalizou Antonio Neto.

Fonte: CCOM

Próxima notícia

Dê sua opinião: