Prefeitura atende mais de 230 famílias que tiveram casas alagadas

Atendimento é feito através de equipes formadas por CRAS, SDUs e Semduh


Foto

Foto Foto: Reprodução

Cerca de 236 famílias, vítimas dos alagamentos por conta das últimas chuvas, já receberam o atendimento inicial da Prefeitura de Teresina. Ao todo, 771 pessoas foram atendidas. As famílias devem ser incluídas no programa Cidade Solidária para receber o aluguel solidário por parte do município.

As equipes, formadas pela equipe técnica de um dos 19 CRAS da capital, além de representantes das SDU’s e da Semduh, fazem visitas às famílias vítimas de alagamento. A Semcaspi está em regime de plantão para atender as famílias. “Estamos garantindo um atendimento digno para essas famílias que perderam suas residências. As equipes da Prefeitura de Teresina têm trabalhando incansavelmente para garantir o auxílio necessário às pessoas que precisam”, reforça Samuel Silveira, secretário da Semcaspi.

Cerca de 180 servidores da Semcaspi, SDU’s e Semduh estão envolvidos nos monitoramentos e de atendimentos das famílias. O trabalho segue neste domingo (7), visando a inclusão das vítimas no Cidade Solidária.

O programa atende famílias em situações emergenciais de desabrigamentos, em consequência das chuvas, infortúnios, incêndios, alagamento, transbordamento de rios ou lagoas ou ainda, situações de vulnerabilidades temporárias. O trabalho é executado pela Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh), das Superintendências de Desenvolvimento Urbano (SDU's) e Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR).


 

Fonte: PMT

Próxima notícia

Dê sua opinião: