PREVENÇÃO

Piauí segue sem nenhum caso confirmado, mas investiga 34 suspeitos de Coronavírus

Comércio, transporte coletivo são algumas das áreas atingidas com situação de quarentena


Uso de máscaras é uma das medidas de prevenção contra Coronavírus

Uso de máscaras é uma das medidas de prevenção contra Coronavírus Foto: Alinny Maria

Atualização divulgada nesta terça-feira (17) pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) aponta que, de ontem para cá, o Piauí foi notificado para mais seis casos suspeitos de Coronavírus (Covid 19) e investiga no momento 34 casos.

Contrariando a faixa etária dos principais grupos de riscos, os casos monitorados pela Sesapi destacam-se por pessoas de 20 a 49 anos de ambos os sexos. Pelo menos 20 dos suspeitos estiveram em viagens internacionais com países em transmissão local de Covid 19.

Desde que instituições estaduais e municipais decretaram situação de emergência e adotaram medidas mais severas para o combate à doença, efeitos como o esvaziamento de ruas e do comércio, redução das frotas de ônibus na capital, fechamento de parques e encarecimento de produtos que ajudam a conter a disseminação do vírus foram registrados hoje

Dados atualizados da Sesapi

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) emitiu nota a tribunais e magistrados no final desta tarde a fim de evitar a propagação da enfermidade no sistema penitenciário do país. Entre as recomendações estão: redução do fluxo de ingresso no sistema prisional e socioeducativo; suspensão da realização das audiências de custódia por 90 dias, reavaliação de prisões provisórias, especialmente quanto a grupos mais vulneráveis (como mães, portadores de deficiência e indígenas) ou quando o estabelecimento estiver superlotado ou sem atendimento médico, reavaliação de prisões preventivas com prazo superior a 90 dias ou que resultem de crimes menos graves, além de indicar que novas ordens de prisão devem respeitar ‘máxima excepcionalidade’.

Quanto aos presos que já cumprem pena, o texto sugere que os magistrados avaliem a concessão de saída antecipada nos casos previstos em lei e na jurisprudência, e também a reconsideração do cronograma de saídas temporárias em aderência a planos de contingência elaborados pelo Executivo. Recomenda a opção pela prisão domiciliar aos presos em regime aberto ou semiaberto ou quando houver sintomas da doença, assim como suspensão da obrigatoriedade de apresentação em juízo pelo prazo de 90 dias nos casos aplicáveis.

CNJ emite recomendação sobre sistema penal e socioeducativo

COVID 19

O Coronavírus é o nome de uma família de vírus que causa infecções respiratórias e que tem se espalhado por vários países. Segundo a Organização Mundial de Saúde, a doença tem baixa letalidade e 80% dos casos são leves. Diante de caso suspeito, a equipe de saúde notifica a Diretoria de Vigilância em Saúde, observando o quadro clínico do paciente e o roteiro de viagem do paciente nos últimos 14 dias. É feita coleta de exames e isolamento da pessoa com suspeita de infecção.

Confira dicas para se prevenir do Novo Coronavírus:

•          Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel por pelo menos 20 segundos.

•          Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.

•          Evite aglomerações se estiver doente.

•          Mantenha os ambientes bem ventilados.

•          Não compartilhe objetos pessoais.

Fonte: Com informações do CNJ

Próxima notícia

Dê sua opinião: