'Marcha em Defesa da Uespi' deixa trânsito parado em Teresina

A greve dos professores entra na quarta semana e alunos apoiam o movimento


Manifestação de alunos e professores da Uespi

Manifestação de alunos e professores da Uespi Foto: Piauí Hoje

Alunos e professores da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) pararam o trânsito no Centro de Teresina na manhã desta quarta-feira (10). A Marcha em Defesa da UESPI teve início às 8h na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) e seguiu até o Palácio de Karnak, deixando o trânsito completamente parado na Avenida Frei Serafim e paradas de ônibus lotadas.

O protesto reúne docentes e discentes de vários campis da UESPI em todo o Estado. as caravanas são dos campis da região Sul, como São Raimundo Nonato, Uruçuí, Floriano, Oeiras e Picos. Os três campis de Teresina também participam do protesto.

A greve dos professores da UESPI já dura um mês. Segundo a coordenadora geral da Associação de Docentes da Uespi (Adcesp), Rosângela Assunção, a caminhada tem o objetivo de chamar a atenção da população para os problemas da universidade.

O protesto também busca uma resposta oficial do Governo, que segundo a categoria, até o momento não se manifestou. A categoria ressalta que não recebeu nenhum documento que firme o que foi garantido pelo governador em uma rodada de negociações.

Entre as reivindicações dos professores estão a falta de estrutura dos campis, poucos recursos, falta de professores para ministrar disciplinas, falta de material de limpeza, atraso no salário dos terceirizados, falta de pagamento de bolsas estudantis, entre outras.

Trânsito parado

Em vários grupos do WhatsApp a população relatou que a avenida Frei Serafim, uma das principais da cidade, ficou intrafegável devido à manifestação. As paradas de ônibus estão lotadas, pois os coletivos estão impossibilitados de trafegar na Avenida Frei Serafim e Areolino de Abreu.

Na Praça da Bandeira, no Centro, concentra-se o maior número de passageiros que aguardam ônibus. Eles relatam que apenas alguns ônibus que fazem linhas para zona Norte da capital estão passando no local, pois o percurso não inclui as áreas onde ocorre o protesto.

Manifestação de alunos e professores da Uespi
(Manifestação de alunos e professores da Uespi/Foto: Redes sociais)

Fonte: Piauí Hoje

Próxima notícia

Dê sua opinião: