EVENTO

Casamento ao vivo pela internet é tendência em tempo de pandemia

Live wedding traz oportunidade de realizar esse sonho, permitindo a participação de convidados em qualquer lugar do mundo


Casamento

Casamento Foto: Divulgação

A pandemia provocada pela covid-19 já não é mais um impeditivo à realização de um sonho tão especial: o casamento. A cerimônia pode ser realizada ao vivo pela Internet (live wedding) e deixar de ser adiada, uma vez que a quantidade de pessoas permitida em eventos ainda é limitada no Brasil. Pensando nisso, a Bonfatti Eventos, empresa especializada há quase 20 anos em eventos corporativos e de casamentos, proporciona esse tipo de oportunidade, que tem como grande diferencial a possibilidade de abrir a cerimônia para convidados de qualquer lugar do mundo.

Segundo Carolynne Bonfatti, sócia fundadora da empresa, toda a organização do casamento acontece da mesma maneira, o que muda é a forma de realização. Neste modelo, é possível realizar a cerimônia presencial com os pais dos noivos e padrinhos, por exemplo, e por meio de uma plataforma de vídeo, com o restante dos convidados.

“Para proporcionar esse tipo de cerimônia nós disponibilizamos equipamentos adequados, como plataforma de streaming. Dessa forma, o casamento é transmitido aos convidados por meio de uma plataforma fechada, com toda segurança e também de uma maneira reservada”, explica.

Em alguns estados do Brasil, como Minas Gerais, Alagoas e Santa Catarina e Pernambuco, já possível oficializar a união do casal sem precisar comparecer ao cartório, tudo é virtual. Nesse caso, as partes entram em contato com o cartório, agendam horário com o juiz, e a conferência é realizada com as partes, o oficial do registro e as testemunhas. Nessas regiões, os oficiais de registro civil estão autorizados a receberem a documentação que antecede o casamento, por e-mail, e preparar o processo para que o juiz realize a celebração remota.

“O live wedding é uma tendência e uma oportunidade para os casais que desejam se casar nesse momento de cuidado e afastamento social. Nosso trabalho é tornar esse dia inesquecível e especial a todos os participantes”, destaca Carolynne.

Para Monique Desiree, foi uma experiência ímpar, divertida, muito agradável. “A Carolynne faz com que esse clima aconteça. Além dos seus excelentes parceiros, que foram impecáveis em nos deixar confortáveis e seguros em um momento como este”, afirmou, após o evento de renovação de votos do casamento.

Ela comentou que, após uma conversa com a Carolynne, surgiu a ideia de fazer este evento de renovação dos votos e que, no mesmo dia, foi compartilhada com o marido. “Para minha surpresa, ele topou. Em janeiro, já tínhamos feito uma cerimônia exclusiva para poucos convidados, e refazer agora foi bem bacana para conectar mais pessoas, amigos e familiares”, destacou Monique.

Para quem ainda tem um certo receio de fazer um evento de casamento ou renovação dos fotos, Monique recomenda. “Contatem hoje mesmo a Carol e façam, simples assim.  Um sonho como esse pode sim ser feito de várias formas, inúmeras possibilidades e merece ser realizado. E eu tenho total confiança na Carol, e seus parceiros, para realizar mais e mais renovações de votos e super recomendo para você que deseja realizar o seu casamento Online.”

Na parte da organização, o briefing com o casal, a comunicação visual, o cronograma, as escolhas do local apropriado para a cerimônia, a confirmação dos presentes (RSVP), a contratação de fotógrafos e filmagens ocorrem da mesma maneira que no casamento presencial. Inclusive, o convite pode ser entregue fisicamente, com um mimo especial para os padrinhos, assim com as lembrancinhas após o evento.

“Somos especializados em organização de casamento e com o apoio da tecnologia oferecemos o suporte completo aos noivos. A possibilidade de fazer a cerimônia fisicamente com a presença dos mais próximos e abrir esse momento tão especial para todos os convidados é emocionante, principalmente nesta fase em que as pessoas estão mais sensíveis e valorizando ainda mais momentos como este”, completa.

Fonte: Cristiane Pinheiro

Próxima notícia

Dê sua opinião: