PESQUISA

Cresce o número de crianças e adolescentes infectados pelo novo coronavírus em Teresina

Os dados constam na 16º rodada de pesquisa sorológica realizada pela Prefeitura de Teresina


Crianças com Covid-19

Crianças com Covid-19 Foto: Divulgação

O resultado da 16ª pesquisa de investigação sorológica realizada pela Prefeitura de Teresina (PMT) foi divulgado nessa sexta-feira (07) e revelam um aumento no número de crianças e adolescente infectados pelo novo coronavírus. A pesquisa feita realizada no período de 31 de julho a 03 de agosto e constatou que as crianças e adolescentes de 0 a 14 anos estão entre 18% dos infectados, assim como os as pessoas de 25 a 34 anos.

Os da pesquisa foram apresentados pelo prefeito Firmino Filho. Segundo a pesquisa, 182.569 pessoas estão com o novo coronavírus na capital. A pesquisa aponta ainda que houve um aumento de 45% no número de pessoas positivadas entre 35 e 44 anos, que é a faixa etária correspondente à população economicamente ativa. "Cresceu o percentual de positivados desta faixa etária, o que nos leva a crer que tem relação com a reabertura das atividades econômicas”, destacou o prefeito. 

 As pessoas com 15 a 24 anos e 55 a 69 anos registram o índice de 9%. Os idosos acima de 70 anos estão entre os 3% dos infectados. A taxa de óbito de crianças e adolescentes é 0% em Teresina, pois não foi registrado nenhum óbito dessa faixa etária na capital. Já as pessoas acima de 70 anos representam 80% dos óbitos por Covid-19.

Próxima notícia

Dê sua opinião: