PANDEMIA

Estupidez de Bolsonaro leva o Brasil ao topo mundial da Covid-19

Dados da OMS apontam Brasil liderando número de mortos e infectados pelo novo coronavírus


Covas abertas para receber vítimas do novo coronavírus

Covas abertas para receber vítimas do novo coronavírus Foto: Michael Dantas/AFP

Nos últimos 14 dias o Brasil assumiu a dianteira com maior registro de infectados por Covid-19, segundo o Centro Europeu para o Controle e Prevenção de Doenças. Os dados revelam que o Brasil, inclusive, superou os Estados Unidos.

Foram 304,8 mil casos em apenas duas semanas. Desde o começo da crise, 614 mil e 34 mil mortes. Com isso, tem-se que metade dos novos registros aconteceram nos últimos 14 dias. No Piauí, somente nas últimas 24h, 635 pessoas testaram positivo para a doença e 49 morreram da última segunda-feira até ontem (04).

Já nos Estados Unidos 295 mil novos casos foram registrados no mesmo período. Na Rússia foram 123 mil. No mundo, os últimos 14 dias registraram 1,5 milhão de novos diagnósticos positivos. Ou seja, 20% de todos os novos casos no mundo ocorreram no Brasil. O país, porém, tem apenas 2,7% da população mundial. Em termos gerais, o maior número de casos da covid-19 continua sendo registrado nos EUA, com 1,8 milhão de pessoas infectadas e 108 mil mortos.

Levando em conta os dados insuficientes da Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil surge como o terceiro país com maior número de mortes e segundo no que se refere a infectados. Considerando apenas os últimos sete dias, o Brasil lidera no mundo, segundo os dados da própria OMS.

Fonte: Com informações do UOL

Próxima notícia

Dê sua opinião: