PANDEMIA

CFM divulga orientações para o trabalho dos médicos durante no combate ao Coronavirus

O documento ainda traz informações sobre a atuação de médicos com idade acima de 60 anos


Médico

Médico Foto: © Pixabay

O Conselho Federal de Medicina (CFM) divulgou nesta sexta-feira (20) uma mensagem com orientações gerais para o atendimento médico no Brasil, diante do avanço da epidemia de Covid-19. O texto aborda, entre outros pontos, questões relacionadas aos hospitais (públicos e privados) e aos consultórios.

LEIA A ÍNTEGRA DO COMUNICADO DO CFM AOS MÉDICOS BRASILEIROS

“Os leitos hospitalares devem ser destinados prioritariamente aos pacientes com quadros graves de Covid-19. Recomenda-se aos gestores a suspensão dos atendimentos ambulatoriais e de procedimentos eletivos”, informa o CFM que, também, recomenda restrição às visitas em função do número de pessoas e do tempo de permanência.

Com respeito ao funcionamento dos consultórios, o CFM afirma que todas as consultas médicas eletivas devem, preferencialmente, ser suspensas. No entanto, “caso não seja possível, os médicos podem realizá-las, desde que em concordância com as determinações das autoridades locais e do diretor-técnico do serviço, respeitando-se as normas de higienização, proteção individual e de restrição de contato preconizadas”, orienta.

O documento ainda traz informações sobre a atuação de médicos com idade acima de 60 anos, com ou sem comorbidades, e sobre a necessidade de disponibilização de testes contra Covid-19 para todos os profissionais da saúde, “mesmo os com sintomas respiratórios leves”.

De forma ampla, o documento reitera a importância da vacinação da influenza para toda a população, de forma prioritária os profissionais da saúde e grupos de risco, assim como da manutenção de medidas para prevenir contágio pela Covid-19, com especial foco em ações de higienização, proteção individual e restrição de contato.

Fonte: Ascom CFM

Próxima notícia

Dê sua opinião: