CAR MAIS

Um marco de sessenta anos

Confira as novidades


Sessenta anos da fábrica Anchieta da Volkswagen

Sessenta anos da fábrica Anchieta da Volkswagen Foto: Divulgação

A fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo (SP), completou sessenta anos de existência em novembro. A unidade foi a primeira da Volkswagen erguida fora da Alemanha. Uma imagem foi eternizada na inauguração e registrada em uma foto clássica do Presidente da República da época, Juscelino Kubitschek, desfilando no banco de trás de um Fusca preto conversível acompanhado dos presidentes da Volkswagen alemã, Heinrich Nordhoff, e da brasileira, Friedrich Schultz-Wenk. Com mais de 14 milhões de unidades fabricadas, a Anchieta começou a ser construída em 1956, entrando em funcionamento no ano seguinte, se tornando referência e revolucionando o setor automotivo brasileiro. A fábrica é considerada um complexo industrial completo para atividades como estamparia, armação, pintura, montagem final, centro de pesquisa, planejamento e desenvolvimento de novos produtos. Em sessenta anos, diversos modelos foram produzidos na Anchieta, como o Fusca, a Kombi, o Karmann-Ghia, o 1.600 (a “Saboneteira”), o TL, a Variant, o SP2, a Brasília, o Passat, o Gol, o Santana e o Polo. Atualmente, produz o novo Polo, o Virtus e a Saveiro.
 Sessenta anos da fábrica Anchieta da VolkswagenUtilidades a bordo
Quem tem o carro como instrumento de trabalho, viaja bastante ou tem até o veículo como seu “escritório” já passou por algumas situações corriqueiras ou até mais sérias em que o motorista lamenta: “por que eu não trouxe um alicate?”. Alguns itens a serem transportados no carro são fundamentais, como uma caixa de ferramentas básica, outros, mais de luxo ou de conforto, como óculos escuros. É aconselhável que o motorista leve um guarda-chuva – não tem sentido a pessoa dirigir no seco e chegar a seu compromisso encharcado -, um carregador de celular – atualmente, quase todos os veículos têm tomadas USB -, uma lanterna com pilhas em dia, um cabo de recarga da bateria (para fazer a popular “chupeta”), papel higiênico e lenços de papel, pendrive com músicas selecionadas previamente e o velho e multifuncional canivete suíço, que substituiu várias ferramentas.

FerramentasResultados extremos
Os resultados da nona rodada deste ano do Programa de Avaliação de Novos Veículos para a América Latina e o Caribe do Latin NCAP foram apresentados dia 26 de novembro. O novo Chevrolet Onix, em sua versão hatch, obteve cinco estrelas (nota máxima) para adultos e crianças, proteção de pedestres e controle eletrônico de estabilidade como equipamento padrão. Já a picape Mitsubishi L200 recebeu zero estrela para a proteção de adultos. O novo hatch da Chevrolet, produzido no Complexo de Gravataí (RS), oferece ainda Sistema de Aviso de Uso de Cinto de Segurança nos bancos dianteiros e traseiros, um equipamento relevante que ainda não é tão comum na América Latina. Segundo o Latin NCAP, a picape L200, fabricada na Tailândia e no Brasil, está disponível em alguns mercados latino-americanos sem airbags, sem sistema de aviso de uso de cinto de segurança e sem controle eletrônico de estabilidade. O modelo obteve zero estrela para a proteção de ocupantes adultos devido à alta probabilidade de ferimentos com risco de vida em uma batida a apenas 64 km/h.

Testes do Latin NCAP com o Chevrolet Onix e a Mitsubishi L200Testes do Latin NCAP com o Chevrolet Onix e a Mitsubishi L200

Próxima notícia

Dê sua opinião:

Sobre a coluna

Redação/Automotrix

Redação/Automotrix

Agência de noticias especializada em pesquisa sobre veículos

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Enquete

O STF deve afastar Deltran Dallagnol da chefia da Lava Jato?

ver resultado