Política

Vereadora Cida representa a Política em Conselho do Laicato

Os representantes estiveram reunidos neste domingo (25) no Auditório Dom Sérgio da Rocha do Centro Pastoral Paulo VI
Fonte: Ascom | Editor: Da Redação 26/02/2018 17:39
Reunião sobre Política em Conselho do Laicato Reunião sobre Política em Conselho do LaicatoFoto: Ascom

Leigos e leigas da Igreja católica são chamados para em comum com todos os católicos celebrar o ano de 2018 como sendo o “Ano do laicato”, para difundir os trabalhos na Arquidiocese de Teresina, foi formada uma comissão que conta com vários representantes de pastorais, movimentos e categorias e profissionais de áreas diferentes da sociedade. Os representantes estiveram reunidos neste domingo (25) no Auditório Dom Sérgio da Rocha do Centro Pastoral Paulo VI.

Entre as diversas categorias que tem assento no Conselho Nacional do Laicato - Regional Nordeste IV que responde pelo Piauí, está a política que é representada pela vereadora Cida Santiago (PHS). “Os nossos leigos e leigas precisam cada vez mais estarem inseridos dentro de todos os espaços da vida profissional. Sabemos que não só na Política, mas também na Educação e Saúde e em vários outros espaços profissionais o leigo tem tomado de conta, por saberem que o seu papel é de não estar só dentro da Igreja e sim em todos os ambientes formados pela sociedade em geral”, falou a vereadora.

O Conselho é presidido por Albertina Gonçalves, que nos contou o que representa essa estrutura formada por uma diretoria com 6 diretores e 3 conselheiros fiscais, ainda é formado por um colegiado de representantes de paróquias e segmentos sociais. “O Laicato é um organismo de articulação, motivação e organização dos leigos na Arquidiocese com a finalidade de trabalhar quatro pilares de fortalecimento que são a identidade, espiritualidade, missão e vocação. Temos a missão de estimular os leigos para a transformação da sociedade”, explicou a presidente.

As atividades que vem sendo implementadas foram citadas pelo arcebispo metropolitano, Dom Jacinto de Brito. “Foi dado mais atenção ao conselho que já existia e para contar com mais participações, ampliamos com a participação de diversos setores da sociedade, essa foi a primeira providência e as outras são formações para ser dadas as foranias e movimentos sobre a vida e missão dos leigos, temos a escola que já está funcionando uma vez por mês durante o domingo, também estou fazendo mensagens para o público, seja em geral ou nos campos específicos e ainda teremos a realização de seminários e simpósios” finalizou Dom Jacinto.

Comentários