Política

TJ-PI determina que 60% de agentes voltem ao trabalho

Fonte: Paulo Pincel 14/09/2017 17:47
Agentes penitenciários em greve no Piauí Agentes penitenciários em greve no PiauíFoto: Sinpojuspi

O desembargador Edvaldo Pereira de Moura determinou o retorno imediato ao trabalho de pelo menos 60% dos agentes penitenciários, em greve há três dias, e o livre acesso das pessoas às unidades que integram o sistema carcerário do Estado.

O descumprimento da decisão vai acarretar multa diária de R$ 10mil para o Sindicato dos Agentes Penitenciários. A paralisação no sistema penitenciário do Estado começou na segunda-feira (11).

Uma nova rodada de negociação está marcada para a próxima segunda-feira (18), quando haverá uma audiência de conciliação entre os servidores em greve e os representantes do Governo do Estado.

“A paralisação trará evidentes prejuízos para o cumprimento das audiências criminais e de custódia, para as visitas de familiares nas unidades prisionais, para o atendimento de advogados e defensores público, para os banhos de sol e para o fornecimento de alimentação aos presos, bem como pode favorecer a deflagração de rebeliões, ocasionando ferimentos e mortes e depredação de patrimônio público”, escreveu o desembargador na decisão desta quinta-feira (14).

Comentários