Esportes

Técnico da Juventus sai em defesa de CR7 contra acusação de estupro

Cristiano Ronaldo é acusado de ter estuprado americana em 2009.
Fonte: ANSA | Editor: Redação 05/10/2018 10:30
Massimiliano Allegrib e CR7 Massimiliano Allegrib e CR7Foto: ESPN.com

O técnico da Juventus, Massimiliano Allegri, defendeu nesta sexta-feira (5) o craque português Cristiano Ronaldo, que é acusado de ter estuprado uma mulher norte-americana em um hotel de Las Vegas, em 2009. O comandante de 51 anos afirmou que o atacante "está bem" e vê Cristiano Ronaldo muito "focado" e "sereno".

"Cristiano está bem. Eu o conheço há três meses, mas posso dizer que, nos seus 15 anos de carreira, demonstrou grande profissionalismo e seriedade tanto dentro como fora do campo", declarou Allegri. De acordo com a revista alemã "Der Spiegel", a americana Kathryn Mayorga denunciou que teria sido abusada sexualmente pelo craque português depois de tê-loo conhecido em uma boate em 12 de junho de 2009.

A publicação ainda revelou que CR7 teria subornado a vítima com um pagamento de US$ 375 mil para que o escândalo não se tornasse público. A mulher afirmou que aceitara a quantia por medo de acontecer alguma coisa com ela e sua família. Apesar da acusação ter vindo à tona, Allegri contou que Cristiano Ronaldo "treinou bem" ontem (4) e que já está concentrado para o jogo contra a Udinese, neste sábado (6), pelo Campeonato Italiano.

"É certo que Cristiano Ronaldo esteja protegido, porque é um momento delicado, mas ele está focado em fazer o bem", disse Allegri.

Em meio ao escândalo, o camisa 7 da Velha Senhora negou as acusações e disse, nas redes sociais, que não ressaltaria um "espetáculo midiático montado". Além disso, o atleta declarou que o estupro é um "crime abominável".

Comentários

Matérias Relacionadas