Cidade

TCE vai avaliar o funcionamento do sistema Inthegra

A auditoria operacional foi solicitada pelo MPC
Fonte: TCE/PI | Editor: Alinny Maria 23/03/2018 11:23
Terminal fica superlotado no 1º dia útil de integração Terminal fica superlotado no 1º dia útil de integraçãoFoto: Thercya Ribeiro

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) vai realizar uma auditoria operacional no Inthegra, sistema de transporte público da Prefeitura de Teresina. O pedido foi solicitado pelo Ministério Público de Contas (MPC).

Segundo o procurador Plínio Valente, o objetivo da auditoria é verificar o funcionamento do serviço público prestado aos cidadãos. “É direito do usuário um serviço de qualidade, com frota suficiente, tempo de espera razoável e conforto térmico. Serão analisadas várias questões dentro do Sistema Inthegra”, pontuou.

Em seu pedido, o MPC esclarece que o Sistema Inthegra promove transformação na mobilidade urbana do município e que após sua implantação há registro de atrasos no transporte e frota insuficiente, além do aumento de tempo de viagem decorrente do novo sistema de integração e superlotação nos ônibus.

“É nosso dever zelar pela eficiência do serviço prestado pela Administração Pública, o Sistema Inthegra tem grande repercussão na vida do cidadão, temos que acompanhar sua implantação”, disse o procurador Plínio Valente.

A auditoria operacional será realizada pela Diretoria de Fiscalização da Administração Municipal para avaliar o desempenho do Sistema. A Diretoria de Fiscalização de Obras e Engenharia fará o acompanhamento das obras relacionadas ao Inthegra. As fiscalizações serão realizadas em um prazo de 60 dias.

Comentários