Política

Sílvio admite voltar se Firmino for candidato ao governo

“Eu não queria morrer sem ver o Firmino governador”, disse o ex-prefeito
Fonte: Paulo Pincel | Editor: Luiz Brandão 07/12/2017 15:08
Sílvio Mendes, Firmino Filho, Zé Filho e João Henrique Sílvio Mendes, Firmino Filho, Zé Filho e João HenriqueFoto: Reprodução

“Só tem uma possibilidade de eu entrar numa campanha: se o Firmino for candidato”. A afirmação é do ex-prefeito de Teresina, Sílvio Mendes (PP), atual presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS). “Eu não queria morrer sem ver o Firmino governador do Piauí”, admitiu.

“Acho que ele tem todas as condições de inteligência, de experiência, eu desconfio até que ele quer, mas não basta querer, tem que ter todo um ambiente favorável. Eu já incentivei, o Piauí merece ele. O momento agora está muito confuso. O Firmino é um bom formulador político, às vezes eu não entendo, ele não é de conversar muito também, mas acho que está perto de a gente saber dessa história”, revelou o ex-prefeito.

Sílvio Mendes brinca de que seu tempo na política já passou, como remédio, que tem validade. “É coisa do passado. É como remédio, venceu. A política é uma oportunidade que a gente recebe. Para fazer a boa política tem muito sacrifício, acho que meu tempo passou”.

Comentários