Municípios

Servidores da Saúde de Picos se reúnem para cobrar salários atrasados

O encontro aconteceu ontem (21) na Sala de Reuniões da Prefeitura
Fonte: Grande Picos | Editor: Redação 22/12/2017 14:27
Servidores da Secretaria de Saúde de Picos reivindicam salários atrasados Servidores da Secretaria de Saúde de Picos reivindicam salários atrasadosFoto: Grande Picos

Servidores da Secretaria Municipal de Saúde de Picos se reuniram na quinta-feira (21) com a secretária da pasta, Maria do Socorro Monteiro, para reivindicar, mais uma vez, questões salariais. O encontro aconteceu na Sala de Reuniões do Palácio Coelho Rodrigues e reuniu servidores de todas as categorias da Saúde. De acordo com a primeira secretária do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde do Vale do Guaribas, Carina Bonfim, além dos atrasos do pagamento, a classe ainda não recebeu nenhuma quota do 13º salário, cujo prazo para segunda parcela venceu no último dia 20.

“A nossa reivindicação é que a todos os meses a prefeitura está demorando muito para a liberação dos nossos vencimentos, a secretária disse que o 13º já era para ter sido pago e não foi. Ela falou que talvez viabilizasse, só que o pagamento do mês de novembro, que já se encontra depositado pelo Ministério da Saúde desde o dia 12 deste mês, ainda não foi pago e ela disse que só ia pagar no mês de janeiro e nós estamos aqui para tentar um acordo com a gestão para ver se viabiliza o nosso pagamento dentro do mês de dezembro”, conta.

Ainda de acordo com a representante sindical, o repasse é feito mensalmente pelo Ministério da Saúde. Ela conta ainda que, para receber o salário, é necessário fazer mobilizações constantes. A reunião de ontem aconteceu no horário de almoço dos servidores, porque, segundo, Carina Bonfim, na última manifestação feita, a Secretaria de Saúde descontou um dia de trabalho dos funcionários.

“Todos os meses está ocorrendo esse atraso, o Ministério faz o repasse, quinze dias depois é que a gente recebe o pagamento, mediante manifestação, paralisação, inclusive mês passado a gente esteve aqui na prefeitura, reunimos mais de 90 agentes comunitários de saúde e o que aconteceu foi que a administração penalizou a gente com um corte no pagamento”, relata.

A agente de saúde acrescentou que a indignação é ainda maior porque a administração não dá nenhuma justificativa sobre os atrasos e segundo ela, no site do Fundo Nacional de Saúde, os servidores acompanham o repasse do Ministério.

“Estamos aqui por não estarem dando nenhuma justificativa, até porque o Ministério é bem claro, o Portal da Transparência, Fundo a Fundo, a gente vê os repasses sendo feitos e não tem porque tanta demora. O que o prefeito alega é que ele tem que fazer uma complementação e essa complementação tem que sair é dos recursos próprios da prefeitura. Então ele diz que não tem essa parte para poder estar complementando esse pagamento”.

O OUTRO LADO

A nossa reportagem procurou a Secretaria Municipal de Saúde para saber como ficou acertado após a reunião de ontem (21).

De acordo com o assessor técnico do Setor Financeiro da pasta, Glecione Oliveira, o pagamento do 13º salário dos servidores efetivos será pago, de forma integral, nesta sexta-feira (22). Ele informou, inclusive, que já estava lançando o valor para ser depositado nas contas.

Sobre o 13º dos contratados e comissionados, ou salários atrasados, o assessor informou que não havia previsão para serem pagos.

Comentários

Matérias Relacionadas