Geral

Servidor de 69 anos cai em fosso de elevador na Agespisa

O idoso foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e Samu, e felizmente não teve fraturas
Fonte: Agespisa | Editor: Alinny Maria 26/02/2019 11:37
Servidor da Agespisa cai em fosso de elevador Servidor da Agespisa cai em fosso de elevadorFoto: Facebook/BSM

Um funcionário da Agespisa identificado como Benedito de Sousa, 69 anos, ficou ferido após cair no fosso do elevador da empresa na Avenida Frei Serafim, Centro da capital. O incidente ocorreu na tarde dessa segunda-feira (25).

De acordo com a Agespisa, o servidor chamou o elevador no térreo e quando as portas se abriram, ele não percebeu que o piso não estava nivelado. O idoso caiu no fosso de aproximadamente dois metros de altura.

O Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionados e socorreram a vítima. Ele foi levado ao hospital e felizmente não teve nenhuma fratura. Como teve apenas escoriações leves, o servidor teve alta ainda ontem.

Em nota, a Agespisa explicou o fato e disse que elevador passa por manutenção com frequência e não oferece qualquer tipo de risco para quem o utiliza.

Nota na íntegra:

  • A propósito do acidente ocorrido ontem com um servidor no fosso do elevador do prédio sede da empresa, a AGESPISA vem a público informar o seguinte:
  • 1) Ontem, segunda-feira, por volta das 12h30m , o servidor Benedito de Sousa, 69 anos, tentou entrar no elevador da empresa e, ao abrir a porta, não percebeu que o elevador não estava no mesmo andar (ele estava no térreo). O servidor acabou caindo no fosso do elevador de uma altura inferior a dois metros.
  • 2) Logo em seguida o empregado foi socorrido por colegas de trabalho. Foi solicitada a presença do SAMU, que o socorreu e o levou para atendimento, acompanhado pelo serviço de assistentes sociais da Agespisa.
  • 3) Depois de atendido, o servidor recebeu alta e foi para casa, sem que tenha ocorrido qualquer fratura; mas apenas escoriações leves. Hoje, uma equipe da empresa esteve na residência de Benedito de Sousa.
  • 4) O elevador passa por manutenção com freqüência e não oferece qualquer tipo de risco para quem o utiliza.

Comentários

Apoio: