Educação

Rede Estadual: Sistema de matrículas online continua disponível dia 15

Queremos tranquilizar os pais ou responsáveis, pois a rede estadual ainda disponibiliza muitas vagas e o prazo será suficiente
Fonte: CCOM | Editor: Redação 12/01/2018 13:08
Matrículas online piauí Matrículas online piauíFoto: Paulo Brandão

Alunos interessados em ingressar na rede estadual de educação ainda podem efetuar a matrícula para o ano letivo de 2018, isso porque a nesta segunda-feira (15) a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) disponibilizará novamente o sistema online para que novas matrículas sejam realizadas.

A diretora da Unidade de Gestão e Inspeção Escolar (UGIE), Ana Rejane, explica que a partir de segunda também será possível verificar no site da Seduc as escolas disponíveis e as respectivas vagas. "A matrícula on line continua e essa nova fase segue até o próximo dia 28. Queremos tranquilizar os pais ou responsáveis, pois a rede estadual ainda disponibiliza muitas vagas e o prazo será suficiente para que as matrículas sejam realizadas", afirmou Ana Rejane.

Ana Rejane alerta, que após efetuar a matricula online, os pais devem entregar a documentação a seguinte documentação do aluno na escola: certificado de conclusão e histórico escolar do ensino fundamental; histórico escolar original, quando for o caso; cópia do título de eleitor, quando maiores de 18 (dezoito) anos de idade; 02 (duas) fotos, tamanho 3x4 cm e comprovante de residência.
"Quem não tiver acesso à internet pode procurar diretamente a unidade escolar pretendida e fazer a matrícula, desde que lá tenha vaga disponível", frisou.

Assim como no ano anterior, as matrículas poderão ser feitas nas etapas e modalidades de Ensino Fundamental, Ensino Médio, Ensino Profissional, Educação de Jovens e Adultos e Proeja.

Na contramão do país, o Piauí registrou aumento no número de matrículas nos últimos anos. Com o novo prazo, o objetivo da Seduc é preencher as vagas remanescentes da primeira e segunda etapa, e oportunizar o acesso ao ensino para o maior número possível de crianças, jovens e adultos.

Comentários