Política

Secretário garante que Estado vai pagar o restante do 13º

"É um ano de dificuldades, mas estamos confiantes que iremos honrar", disse Rafael Fonteles.
Fonte: TV Cidade Verde | Editor: Paulo Pincel 22/11/2018 10:45
Secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles Secretário de Estado da Fazenda, Rafael FontelesFoto: AsCom/Sefaz

O secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles, afirmou nesta quinta-feira (22), que 2018 foi um ano muito desafiador e que o Estado teve que se desdobrar para honrar seus compromissos, principalmente com a folha de pagamento do Estado.

“Todos os anos estamos tendo que fazer essa reserva para pagar a segunda metade do 13º no final do ano em razão dessa frustração de receitas. Estamos confiantes que mais um ano vamos superar isso e estamos lançando mão de várias alternativas para termos receitas extraordinárias para que não haja nenhum susto no cumprimento da tabela. É um ano de dificuldades, mas estamos confiantes que iremos honrar", garantiu Fonteles, em entrevista à TV Cidade Verde.

Sobre a reforma administrativa, que está sendo concluída pela equipe econômica do governo, deverá chegar até fevereiro do próximo ano à Assembleia Legislativa. Nela, adianta Rafael Fonteles, deve haver extinção de órgãos e cargos, embora essas medidas não resultem em impacto significativo nas contas públicas.

"Despesa é que nem unha, tem que cortar sempre. Antes tarde que nunca [...] Temos que nos adaptar aos tempos de dificuldades fiscais para a correção ser permanente. A questão da redução das despesas e, eventualmente, o enxugamento da máquina, é o que está sendo trabalhado. Cada redução de despesas tem um impacto e não apenas político, mas em serviços para a população. Então nunca é uma decisão simples, mas tem que ser tomada em um momento", ponderou Rafael Fonteles.

Comentários