Polícia

Quatro feridos em colisão de picape com moto na Av. Maranhão

Duas pessoas estavam na picape e outras duas na motocicleta. Não houve mortos
Fonte: Paulo Pincel - Do local do acidente | Editor: Paulo Pincel 14/09/2017 08:00
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão
  • Acidente na Avenida Maranhão

Atualizada às 9h50

Quatro pessoas se feriram em um acidente grave ocorrido às 7h45, na Avenida Maranhão, em frente ao Quartel do Corpo de Bombeiros, na Prainha, zona Sul de Teresina. O motorista de uma picape perdeu o controle da direção, colidiu e derrubou um poste, capotou e atropelou um casal que estava numa motocicleta.

A picape S10, placas BRK-1977 de Piripiri, dirigida por Amadeu Vieira dos Santos, vinha da Ceapi para o Centro, carregada de frutas e verduras, quando sobrou numa curva e colidiu com um poste de energia. A caminhonete capotou e atropelou um casal que estava parado no acostamento, próximo ao meio fio da via, numa motocicleta.

Parte da carga se espalhou pela pista, mas algumas caixas com frutas e verduras ficam intactas e não foram saqueadas.

O casal, identificado como Diogo Francisco Nogueira das Chagas e Poliana (o sobrenome não foi informado), sofreu ferimentos graves e foi levado pelo SAMU para o Hospital de Urgencia de Teresina. O motorista da picape e Dino Cesar da Silva Santos, que também estava no veículo, foram levados para o HUT com escoriações e ferimentos, mas não corriam risco de morte.

O tenente-PM José Lima, do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual, chegou ao local pouco depois do acidente. Ele seguia para o serviço, na barreira policial no acesso à Ponte Nova, que liga Timon a Teresina. Lima conta que os soldados do Corpo de Bombeiros já estavam socorrendo as vítimas. Diogo e Poliana se feriram com mais gravidade, já que foram atingidos pelo veículo.

O trânsito foi interrompido no lado direito da Avenida Maranhão, no sentido Sul/Centro, desde a Avenida Walter Alencar. A via foi liberada depois das 8h15. Toda a região da Prainha ficou sem energia. Os fios da rede de distribuição se romperam com a queda do poste, que ficou de pé seguro apenas pela fiação que sobrou após o impacto. Uma equipe da Eletrobras-PI fez a substituição do poste e o fornecimento de energia foi restabelecido por volta das 9h30.

Comentários