Esportes

PSG vive incerteza com Neymar, mas 'fará de tudo' para mantê-lo

De acordo com o Le Parisien, clube "não tem sinais, nem pistas e teme más notícias" em relação ao futuro do jogador
Fonte: Folhapress | Editor: Redação 11/03/2018 13:25
Neymar Jr. Neymar Jr.Foto: Reprodução

Diante das especulações provenientes principalmente da Espanha, o PSG vive um período de incerteza em relação à permanência de Neymar, publica neste domingo o jornal francês "Le Parisien". De acordo com o diário, o clube "não tem sinais, nem pistas e teme más notícias" em relação ao futuro do jogador, que está no Brasil para se tratar de uma cirurgia no pé direito. "Até o momento, o PSG não sabe se o brasileiro vai ficar ou sair", completa o diário.

Na reportagem, o "Le Parisien" cita uma conversa entre o diretor esportivo Antero Henrique, um jogador desejado pelo clube e seu agente em um hotel para acertar uma possível transferência. Questionado pelo empresário se Neymar continuaria no clube, o dirigente do PSG teria respondido "Não posso garantir isso".

O jornal lembra recentes declarações do zagueiro brasileiro Marquinhos dizendo que pediu para o atacante ficar, o que seria um sinal de que nem mesmos seus companheiros mais próximos teriam a certeza de sua permanência.

O "Le Parisien" ainda diz que, neste cenário, o presidente Nasser Al-Khelaifi "fará de tudo para manter Neymar, mas sem dar a impressão de que o colocam acima do clube". Neste cenário, o jornal diz que a escolha do treinador é fundamental para que o brasileiro continue empenhado no projeto.

Como pano de fundo desta situação, o "Le Parisien' coloca uma possível insatisfação de Neymar em sua primeira temporada no PSG alimentada por especulações da imprensa espanhol que os times espanhóis o receberiam de braços abertos. "Neymar não gostou desta temporada da organização do clube, da falta de estrutura e da fraqueza da instituição", diz o texto, lembrando da eliminação da equipe nas oitavas da Liga dos Campeões para o Real Madrid.

Na Espanha, nesta semana as especulações sobre Neymar esquentaram depois da queda na competição europeia. O jornal "AS" chegou a publicar que o PSG aceitaria liberar o brasileiro ao Real Madrid por 400 milhões de euros (cerca de R$ 1,6 bilhão), enquanto que o "Mundo Deportivo' diz que o brasileiro sondou uma possível volta ao Barcelona.

Comentários