Política

Progressistas sai chamuscado do embate com MDB

Wilson Brandão e Venâncio Cardoso podem mudar de partido
Fonte: Paulo Pincel 30/01/2019 12:55
Venâncio Cardoso e Flora Izabel Venâncio Cardoso e Flora IzabelFoto: Paulo Pincel

O Progressistas saiu chamuscado no embate com o MDB na Assembleia Legislativa. Além do desgaste na relação entre os aliados, o PP pode perder dois de seus membros: o deputado estadual Wilson Brandão e o vereador Venâncio Cardoso.

Profundamente irritado com a quebra da promessa feita quando trocou o PSB pelo PP, de ser o nome do partido na eleição para a presidência da Assembleia Legislativa, Wilson Brandão contrariou a imposição do nome de Hélio Isaías pelo senador Ciro Nogueira e declarou voto a Themístocles Filho.

Já o vereador Venâncio Cardoso, atual secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo teria sido ameaçado de demissão, caso não conseguisse convencer a mãe, deputada Flora Izabel (PT), a apoiar Hélio Isaías.

Além de não conseguir emplacar a presidência do Legislativo, o Progressistas ficou com apenas um representante na Mesa Diretora, contra dois do PR. Nem o do deputado Hélio e nem de Wilson Brandão foi o nome do PP indicado para a 1ª vice-presidência. O "ungido" por Ciro Nogueira foi Fernando Monteiro, ainda no PRTB, mas de mala e cuia para se mudar para o PP.

Comentários