Polícia

Preso em Teresina suspeito de mais de 180 homicídios

Alexandre estava foragido do sistema prisional
Fonte: SSP/AM | Editor: Alinny Maria 03/08/2018 14:20
Alexandre foi preso em uma residência na zona Leste Alexandre foi preso em uma residência na zona LesteFoto: Polícia Civil do Amazonas

Alexandre Alves da Silva, vulgo ‘Cagão’, 23 anos, suspeito de participar de mais de 180 homicídios entre junho e julho em Manaus (AM), foi preso nessa quinta-feira (2) em Teresina. Alexandre e mais cinco homens são investigados pelos homicídios,

Segundo o delegado-geral da Polícia Civil do Piauí, Riedel Batista, Alexandre é apontado como membro da facção criminosa ‘Comando Vermelho’. Ele estava foragido desde o dia 12 de maio, quando conseguiu escapar do Centro de Detenção Provisória 2, em Manaus, através de um túnel juntamente com 34 detentos.

Alexandre já possui nove processos em trâmite na Justiça pelos crimes de tráfico de drogas, homicídio, associação para o tráfico, e outros. Alexandre estava escondido em uma residência em Teresina, e foi preso pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) através do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), com apoio da Polícia do Piauí.

A Polícia descobriu que Cagão estava traficando uma droga conhecida como ‘Skank’ em Teresina. Ele foi preso no bairro Verde Lar, região do Árvores Verdes, na zona Leste, e não reagiu à prisão. O criminoso não reagiu à prisão e em breve deverá ser o ocorrerá o recambiamento para Manaus.

Comentários