Política

Prefeitura vai fornecer primeira CNH de graça para jovem carente

Fonte: Assessoria | Editor: Paulo Pincel 07/07/2017 16:43
Vereadores com o prefeito de Teresina no Palácio da Cidade Vereadores com o prefeito de Teresina no Palácio da CidadeFoto: Assessoria

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), recebeu na manhã desta sexta-feira (7), uma comissão de vereadores, no Palácio da Cidade, para discutir vários temas, entre eles a criação de um novo programa municipal que vai oferecer gratuitamente a primeira habilitação para jovens carentes.

Estavam na reunião o vereador Venâncio Cardoso (PP), Enzo Samuel (PC do B), R. Silva (PP), Gustavo de Carvalho (PEN), Neto do Angelim (PSDC), Marquim Monteiro (PRTB) e o superintendente da SDU Sudeste, Evandro Hidd.

De acordo com Firmino Filho, buscar uma nova forma de selecionar os participantes do programa é um dos pontos primordiais para que o retorno do programa seja, de fato, um sucesso. “Quando o programa funcionava, de 50 carteiras que a prefeitura disponibiliza, por exemplo, apenas 16 pessoas concluíam as aulas. Temos que selecionar quem realmente quer participar. Para isso funcionar, tem que haver uma boa filtragem”, explicou o prefeito.

A última seleção do Projeto “Minha Primeira Carteira” aconteceu em 2014 e tinha como objetivo atender a alguns eixos estruturantes de políticas públicas para a juventude: a qualificação para o mundo do trabalho, a geração de renda e empreendedorismo. O projeto não funciona mais porque, segundo o prefeito, o número de pessoas que abandonaram a oportunidade foi muito grande.

O vereador Venâncio explicou a importância da criação ou reformulação do projeto “Minha Primeira Carteira”, que daria condições de jovens carentes conseguirem sua primeira carteira nacional de habilitação (CNH), criando assim oportunidades de emprego através da qualificação. Ele pediu ao prefeito que seja realizado um novo estudo para que esse projeto volte a funcionar.

“Acredito que esse projeto é muito importante, pois muitos jovens em idade de dirigir deixam de arrumar trabalho porque, muitas vezes, a própria empresa exige esse tipo de habilidade dos candidatos a uma vaga. Já existe um projeto municipal, mas infelizmente não foi para frente da forma como estava sendo conduzido. Estamos buscando a melhor forma de esse projeto voltar a funcionar”, explicou.

Na reunião, o prefeito se disse disposto a dar encaminhamento ao projeto da primeira habilitação, mas destacou a importância de uma melhor seleção dos candidatos para a aquisição da CNH, além de um estudo mais aprofundado para que o novo projeto seja bem aproveitado pela juventude da capital.

Em março deste ano, o vereador Venâncio Cardoso começou debater a questão da habilitação gratuita para jovens carentes na Câmara Municipal de Teresina.

Comentários