Cidade

Prefeitura e BNDES iniciam estudos para PPP de iluminação pública de Teresina

Projeto de iluminação pública beneficiará toda a cidade
Fonte: PMT | Editor: Redação 28/09/2017 13:12
Foto FotoFoto: Ascom

Representantes das Secretarias Municipais de Concessões e Parcerias (Semcop), de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh) e do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) se reuniram na manhã desta quinta-feira (28) com membros das empresas participantes do consórcio que vai atuar na PPP (Parceria Público-Privada) da iluminação pública de Teresina.

Os órgãos envolvidos terão um calendário de reuniões com o BNDES, que será financiador do projeto juntamente com a Prefeitura de Teresina. A expectativa é que o projeto esteja estruturado em um período de oito meses.

De acordo com Erick Amorim, secretário da Semcop, além da introdução da equipe técnica, também será feito um alinhamento das premissas gerais utilizadas pelo BNDES na modelagem de projetos e o aprofundamento de alguns aspectos técnicos, jurídicos e financeiros que serão necessários para o início da primeira etapa do processo. “Essa etapa é importante para que a modelagem da Parceria Público-Privada seja o mais precisa possível. Estamos otimistas, pois esse projeto tem o potencial de oferecer uma cidade muito mais iluminada para a população”, disse.

O consórcio vencedor da licitação para os estudos da iluminação pública de Teresina é formado pelas empresas Thoreos (assessoria financeira), Souza Cescon (assessoria jurídica), Vasconcelos e Santos (engenharia elétrica) e Nucleo (engenharia). O resultado do projeto permitirá que a rede de iluminação pública de Teresina seja modernizada, com ampliação do serviço onde for necessário e aplicação de novas tecnologias que permitirão mais luz com menor gasto de energia e gestão inteligente da rede, dentre outros benefícios.


Mariana Adão, arquiteta e assessora de urbanismo da Semcop, afirma que a PPP de iluminação vai beneficiar diretamente a população. “Teremos um serviço de mais qualidade, com rapidez na troca de lâmpadas e postes e no aumento de iluminação, o que melhora a segurança pública e aumenta a promoção e a utilização de áreas turísticas e de lazer por toda a cidade”.


Comentários