Política

População apoia Caravana Lula Livre e pede liberdade ao ex-presidente

Em dois finais de semana, a Caravana Lula Livre Piauí já percorreu 22 municípios.
Fonte: Geísa Chaves | Editor: Paulo Brandão 23/04/2018 14:02
Caravana Lula Livre Caravana Lula LivreFoto: Natalina Alves

A Caravana Lula Livre percorreu, em quatro dias, 22 municípios piauienses e, não para por aí. A meta é visitar todo o Estado e junto do povo compartilhar a luta em prol da inocência de Lula e contra a perseguição política que visa, exclusivamente, inviabilizar sua candidatura à presidência, nas eleições de 2018. Segundo o presidente do PT Piauí, Assis Carvalho, por onde a Caravana já passou o apoio do povo, que reconhece a luta de Lula, enquanto presidente, no combate a pobreza e de uma vida mais digna para milhões de brasileiros, tem sido motivador.

“Antes, 40 milhões de brasileiros viviam na linha da miséria e Lula deu oportunidades de melhoria a todas elas, coisa que com certeza deixou irritada uma elite atrasada que vive neste país, pois o povo não mais precisou se humilhar por um prato de comida. O golpe parlamentar que tirou Dilma de um mandato legítimo, eleito pelo povo e, vale lembrar, até hoje nunca provado nenhum crime contra ela, só reforça o que estamos dizendo. Por isso, a importância de um diálogo olho no olho com o povo, para que possamos combater a injustiça. Não queremos Lula abaixo ou acima da lei, mas uma lei igualitária pra todos”, afirma Assis.

De forma espontânea, a população por onde a Caravana já percorreu, tem externado total apoio ao ex-presidente Lula. "O que nós queremos é Lula livre. Ele sempre foi um presidente que olhou pra classe humilde. Em todo o Piauí há, com certeza, uma família que teve uma semente plantada pelo governo de Lula. Fomos beneficiados com vários programas como o Minha Casa Minha Vida, Luz Para Todos, Pronatec, cursos profissionalizantes para nossos jovens que antes, ao terminar o ensino médio, ficavam parados. A agricultura familiar que hoje, infelizmente, está parada, abandonada. Então, por isso e muito mais queremos o Lula livre, de volta, para governar este país”, disse Antônia Oliveira, vice-presidente do STTR de Curralinhos.

“Ele está preso sem merecer. Foi um presidente muito bom ao tirar o Brasil da miséria. Vários bandidos que matam, fazem mal aos outros estão soltos. O Lula que é bom, não fez nada de errado e está preso. Aqui em Barro Duro, muitas famílias foram beneficiadas com programas do governo do Lula e da Dilma. Não me lembro de outro presidente que tenha vindo tanto ao Piauí como Lula. Quantas vezes ele for candidato, eu e minha família, votaremos nele”, desabafou o comerciante, Raimundo Nonato.

Para a senadora Regina Sousa, a Justiça Brasileira está partidarizada. “Hoje está assim: Não tem crime, não tem prova, não tem problema, vai ficar preso assim mesmo. A Justiça Brasileira está partidarizada, tem lado. Por isso, resistência é a palavra. A gente não pode desistir de Lula. A gente precisa dele pra governar de novo este país”.

Também participaram da Caravana a deputada Rejane Dias, deputada Flora Isabel, deputado Merlong Solano, deputado João de Deus, deputado Francisco Limma, deputado Cícero Magalhães, Dr. Francisco Costa, ex-secretário de Saúde do Estado, Franzé Silva, ex-secretário de Administração do Governo, Daniel Oliveira, secretário de Segurança do Piauí, Francisco Guedes, Zé Gomes, do Sindicato da Construção Civil, João Pereira, secretário de Organização do PT Piauí, Gil Kairós, secretário de Formação do PT, Neide Carvalho, da Frente Brasil Popular do Piauí, Nayara Costa, da secretaria de Juventude do PT, Fabíola Lemos, dentre outros.

Os 22 municípios já visitados são: Demerval Lobão, Lagoa do Piauí, Monsenhor Gil, Agricolândia, Água Branca, São Pedro do Piauí, São Gonçalo, Santo Antônio dos Milagres, Jardim do Mulato, Angical, Regeneração, Amarante, Curralinhos, Miguel Leão, Barro Duro, Passagem Franca, São Miguel da Baixa Grande, Prata do Piauí, São Félix do Piauí, Santa Cruz dos Milagres, Olho D’Água e Lagoinha do Piauí.

Comentários

Matérias Relacionadas