Polícia

Policial reage, mata a assaltante e acerta comparsa

O comparsa da mulher levou um tiro nas costas, mas conseguiu fugir; polícia apura o caso
Fonte: Polícia Civil | Editor: Luiz Brandão 28/09/2017 20:41
A mulher morreu na hora A mulher morreu na horaFoto: WhatsApp

Um casal que fazia assaltos na Zona Norte de Teresina foi surpreendido pela reação de um policial e se deu mal. A mulher morreu com um tiro e o comparsa ficou ferido com um balaço nas costas, mas consegui fugir.

O caso ocorreu no início da noite desta quinta-feira, em um loteamento entre o bairro Alto Alegre e o Conjunto Mocambinho. Os nomes do policial e nem do casal de assaltantes não foram divulgados até agora (22h27min).

"O casal andava em uma moto e abordava as vítimas a qualquer hora do dia ou da noite", diz um policial que atua na área do Mocambinho, Alto Alegre e Poti Velho.

Em 24 horas, este é o segundo caso de reação a assalto e que os assaltantes "perderam a parada", diz um policial ao lembrar que na noite de quarta-feira (27) uma vítima reagiu e matou o assaltante Antônio Ricardo, de 18 anos, mas conhecido como "Ricardinho". O caso ocorreu na Avenida dos Ipês, no Bairro São João, próximo à linha férrea, na Zona Sudestre de Teresina.

Informações de policiais e testemunhas asseguram que o casal já vinha cometendo vários assaltos, inclusive "arrastőes" em vários locais da cidade. "A dupla era audaciosa. A mulher usava arma e, se precisasse atirava", diz o policial.

No início da noite, logo após a morte da moça, surgiram informações dando conta de que ela e o comparsa fizeram um "arrastão" no bairro Pedra Mole, na Zona Leste de Teresina.

Na tentativa do assalto desta quinta-feira, o casal foi surpreendi pela reação de um policial. A mulher levou um tiro na cabeça e morreu no local. Ela estava com um revolver que teria tentado disparar, mas a arma falhou. O comparsa dela, que pilotava uma moto fugiu, mas teria saído ferido com um balaço nas costas.

Também há informações dando conta de que a mulher assaltante estava de posse de vários celulares que a dupla haviam roubado. Ao lado do corpo dela a Polícia Civil encontrou um revolver calibre 38.

Comentários