Brasil

Permanência de Caio Júnior depende de vaga no G4

Piauí Hoje
Fonte: Globo Esporte 14/11/2008 00:00 - Atualizado em 14/11/2016 01:01
O castelo de Caio Júnior na Gávea está com as estruturas abaladas. Depois de uma semana difícil, em que cobrou aplausos dos torcedores, desabafou contra as críticas e praticamente "dispensou" Jônatas, o treinador terminou colocando um ponto de interrogação sobre a permanência no Flamengo em 2009. E a diretoria concordou.Embora esteja preocupado em não "fritar" Caio Júnior, o vice-presidente de futebol do Fla, Kleber Leite, prefere esperar o fim do ano para se pronunciar.- Aqui no Flamengo todo mundo depende de resultado. É uma característica do clube, não é algo com ele (Caio Júnior) - diz o dirigente. O contrato dele termina no fim da próxima temporada. Em quinto lugar no Brasileiro, o comandante admite que a permanência será difícil se o time não se classificar para a próxima Taça Libertadores. - Ao fim do campeonato tem que ser tomada uma decisão para o bem do clube. Se não conseguir a vaga fica uma situação... Mas tudo passa muito por esses quatro jogos finais - declara o treinador. Dentro do Flamengo, mas fora do departamento de futebol, a saída de Caio é considerada (praticamente) irreversível. Dirigentes e conselheiros comentam seguidamente que apenas o título seria capaz de mantê-lo. Em julho, o Flamengo renovou o contrato depois que o treinador recebeu uma proposta do Qatar. Não há multa rescisória. Apenas houve um adiantamento superior a meio milhão de reais para mantê-lo. Confira todos os confrontos entre Flamengo e Palmeiras nos Brasileiros desde 71 na futpédia, a enciclopédia do futebol brasileiro! Caio Júnior assumiu ao Flamengo no dia seguinte à eliminação da Libertadores para o América-MEX. Apesar de a equipe nunca ter deixado o primeiro bloco do Brasileiro, as críticas a Caio se multiplicam e nos últimos jogos ele convive com o coro de "burro". - É muito difícil resistir a essa pressão do Flamengo. Estou inteiro, com um pouco mais de cabelos brancos. Espero passar essas férias... - diz, sem completar a frase. No próximo domingo, o Rubro-Negro, em quinto, recebe o quarto lugar Palmeiras no Maracanã. Se perder, o time carioca fica a quatro pontos dos paulistas e cada vez mais distante do sonho de voltar à principal competição do continente.

Comentários

Matérias Relacionadas