Famosos

Fundador da Playboy morre aos 91 anos

Ele foi um porta-voz de alguns dos movimentos sociais e culturais mais significantes do nosso tempo e defendeu a liberdade de expressão
Fonte: UOL | Editor: Redação 28/09/2017 08:23
Hugh Hefner Hugh HefnerFoto: Fashionel.mk

Morreu nesta quarta-feira (27), aos 91 anos, o milionário norte-americano Hugh Hefner, criador da revista Playboy. A informação foi divulgada pelas redes sociais da publicação. Segundo a Associated Press, ele morreu de causas naturais, em casa, a Mansão Playboy, em Los Angeles. “Meu pai viveu uma vida excepcional e impactante e foi um pioneiro da imprensa e da cultura.

Ele foi um porta-voz de alguns dos movimentos sociais e culturais mais significantes do nosso tempo e defendeu a liberdade de expressão, os direitos civis e a liberdade sexual", disse Cooper Hefner, um dos filhos de Hugh. Além de Cooper, o empresário deixa outros três filhos, Christie, David e Marston, além da mulher Crystal Harris, sua terceira e 60 anos mais jovem, com quem ele vivia desde 2012

Lançada em 1953, a Playboy se tornou sinônimo de revista masculina no mundo. A publicação ousou na época ao associar mulheres nuas ao estilo de vida norte-americano. A primeira edição, em dezembro de 1953, da revista teve Marilyn Monroe na capa. As fotos, tiradas quatro anos antes, foram compradas a preço baixíssimo.

As 50 mil cópias da revista se esgotaram rapidamente, fazendo com que a Playboy se tornasse um sucesso instantâneo. Nas décadas seguintes, centenas de mulheres, famosas ou não, posaram para a publicação. Hefner virou uma celebridade e se mudou para uma mansão, sempre rodeado de “coelhinhas”.

A revista chegou ao Brasil no final da década de 70. A última edição tem Renata Longaray na capa. Hefner nasceu em 9 de abril de 1926 em Chicago, filho de Grace Caroline e Glenn Lucius Hefner.

Comentários