Ciência & Tecnologia

Mercado Livre abre 125 vagas no Brasil

Nossa expectativa é superar 400 contratações em 2017”, explica Helen Menezes, gerente de Recursos Humanos do Mercado Livre no Brasil.
Fonte: Convergência Digital | Editor: Redação 07/07/2017 12:50
Mercado Livre Mercado LivreFoto: E-Commerce Brasil

O Mercado Livre, companhia de e-commerce na América Latina, está em busca de novos talentos para integrar sua equipe de colaboradores e acompanhar o momento de crescimento da empresa. Atualmente, estão abertas 125 vagas, a maioria com atuação nos Estados de São Paulo e Santa Catarina, nas áreas comercial, atenção ao cliente e TI (Tecnologia da Informação). “No primeiro semestre deste ano já contratamos 85% a mais do que no mesmo período de 2016. Nossa expectativa é superar 400 contratações em 2017”, explica Helen Menezes, gerente de Recursos Humanos do Mercado Livre no Brasil. A empresa já conta com 1.350 funcionários no país, onde mantém sua maior operação de Marketplace, e está em um grande momento de expansão local, graças aos bons resultados, como os 42 trimestres financeiros positivos consecutivos.

Além de salários acima da média de mercado - é a primeira empresa neste quesito no ranking da Love Mondays deste ano -, o Mercado Livre oferece benefícios que incluem vale-alimentação, vale-refeição, vale-transporte, plano de saúde, plano odontológico, previdência privada, vale-combustível e auxílio farmácia. Além disso, a empresa estimula a recomendação de profissionais entre a rede de contatos de seus colaboradores: o funcionário que indicar alguém para uma vaga pode ganhar bônus em dinheiro, se a pessoa for contratada e permanecer na empresa após o período de experiência.

“Buscamos profissionais proativos, resilientes, com perfil empreendedor, que enxerguem nos desafios oportunidades e valorizem suas conquistas e as da equipe”, complementa Helen. Em São Paulo as vagas são para as áreas comercial, atenção ao cliente e tecnologia da informação alocadas na Melicidade, campus da empresa em Osasco. Inaugurado há menos de um ano, o local possui projeto arquitetônico inspirado em empresas inovadoras do Vale do Silício, nos Estados Unidos.

O espaço, com um ambiente descontraído, conta com academia, sala de jogos e serviços como manicure, nutricionista e massagem. Para facilitar o transporte, o Mercado Livre disponibiliza gratuitamente para os funcionários o MeliBus, ônibus que faz o dia todo o translado entre a estação Osasco da CPTM e a sede. Além da sede em Osasco, Florianópolis foi outra cidade escolhida para o Mercado Livre estabelecer um polo de tecnologia.

A expansão da presença da marca na região se deve também pela compra da startup de logística Axado, cujos 50 funcionários foram absorvidos. No momento, a empresa está com 10 vagas para formados em tecnologia da informação para trabalharem no centro da capital de Santa Catarina. Outras cidades com oportunidades pontuais, principalmente na área comercial, são Brasília, Fortaleza, Londrina, São José dos Campos e Curitiba.Outras informações sobre pré-requisitos e processo seletivo podem ser obtidas no site: www.mercadolivre.com.br/empregos.

Comentários