Economia

Médicos do Detran-SP sonegaram R$ 51 milhões em impostos, diz Receita

Operação Autoexame descobriu fraudes de R$ 150 mil em 110 casos
Fonte: R7 | Editor: Redação 05/10/2017 10:55
Médicos credenciados para os exames não pagavam impostos Médicos credenciados para os exames não pagavam impostosFoto: Reprodução

A Receita Federal está investigando os médicos e psicólogos credenciados pelo Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito) que fazem os exames exigidos para a emissão e ou renovação da CNH. No entanto, não estão pagando o Imposto de Renda devido.

Eles recebem até R$ 800 mil por ano, média de R$ 66 mil por mês, para fazer os exames exigidos para a emissão e ou renovação da CNH. No entanto, não estão pagando o Imposto de Renda devido.

De acordo com a Derpf/SP (Delegacia Especial de Pessoas Físicas em São Paulo), os profissionais credenciados pelo Detran-SP receberam pelos exames mas sonegaram os impostos.

Segudo a Receita Federal, alguns médicos e psicólogos chegaram a realizar cerca de 15 mil exames por ano, recebendo mais de R$ 800 mil, valor que não foi declarado no Imposto de Renda. Estima-se que a sonegação anual média seja de aproximadamente R$ 150 mil por profissional.

As primeiras fiscalizações no âmbito da Operação Autoexame, como foi batizada a investigação da Receita, começaram em julho. Já foram abertos 110 procedimentos fiscais e a Receita espera recuperar R$ 51 milhões em impostos.

De acordo com a Receita, os médicos e psicólogos que ainda não foram intimados podem retificar, espontaneamente, as declarações de ajuste anual dos anos em que omitiram os rendimentos e eximir-se da multa punitiva (que varia de 75% até 225% do imposto devido).

Já s contribuintes que estão sob fiscalização também podem promover a autoregularização, retificando exclusivamente as declarações dos exercícios que não sejam objeto das ações fiscais em andamento.

Outro lado

O R7 enviou uma mensagem para a assessoria de comunicação do Detran-SP para confirmar o total de médicos e psicólogos credenciados pelo órgão para fazerem os exames. Também foi perguntado se é padrão que os profissionais façam 15 mil exames por ano, pelos quais recebem até R$ 800 mil. Porém, o órgão não respondeu o e-mail.

O Detran-SP cobra uma taxa de R$ 96,52 pelo exame médico psicotécnico. Considerando o total de 15 mil exames por ano no valor total de R$ 800 mil, cada profissional receberia R$ 53,33 por exame.

Comentários